Síndrome de Werner – O que é, Causas, Sintomas e Tratamentos

Revisado por

Bioquímica Farmacêutica pela USP

Especialista do Cura Natural

Síndrome de Werner – O que é, Causas, Sintomas e Tratamentos
4.7 (94.55%) 11 vote[s]

Síndrome de Werner – O que é, Causas, Sintomas e Tratamentos nesse artigo, você vai tirar todas suas dúvidas sobre essa doença. Além disso, a Síndrome de Werner é um exemplo de síndrome progeroíde, isto é, é uma doença caracterizada pelo envelhecimento precoce, aproximadamente em cerca de sete vezes em relação à taxa normal, sendo por isso, também denominada por Progeria (velhice).

O que é Síndrome de Werner?

A síndrome de Werner é uma síndrome genética de caráter autossômico recessivo que faz parte do grupo de síndromes progeróides, ou seja síndromes de envelhecimento precoce.
Ela está associada a algumas complicações, como osteoporose, catarata e diabetes.
É muito importante que tenha um acompanhamento especializado.

Causas da Síndrome de Werner:

Ela é causada por mutação no gene WRN, cromossoma 8, que codifica a proteína Werner, uma helicase. Helicases são enzimas responsáveis pela separação da dupla fita do DNA. Assim, mutações na codificação dessa proteína pode gerar graves consequências, como a não replicação do DNA, causando, então, o envelhecimento precoce.

Sintomas da Síndrome de Werner:

  • Baixa estatura;
  • Pele seca e enrugada;
  • Calvície prematura;
  • Cabelos brancos na infância;
  • Olhos proeminentes;
  • Crânio de grande tamanho;
  • Veias cranianas salientes;
  • Ausência de sobrancelhas e pestanas;
  • Nariz grande e com forma de bico;
  • Problemas cardíacos;
  • Peito estreito, com costelas marcadas;
  • Extremidades finas e esqueléticas;
  • Estreitamento das artérias coronárias;
  • Articulações grandes e rígidas;
  • Manchas na pele semelhantes às da velhice por mau metabolismo da melanina;
  • Presença de doenças degenerativas como a artrite, próprias da velhice;
  • Morte natural ocorre até aos 20 anos;
  • Pênis na parte direita do estômago.

Tratamento da Síndrome de Werner:

Segundo cientistas, o estudo pode levar à descoberta da cura para a doença e também a novas pistas sobre as consequências do envelhecimento em pessoas sadias, mas a doença ainda não tem cura. A síndrome de Werner é uma doença degenerativa que não tem cura e, por isso, o seu tratamento é feito para aliviar os sintomas.

E ajudar o paciente a ultrapassar as limitações criadas pela síndrome, que estão relacionadas com a falta de força nos músculos de todo o corpo. Assim, o tratamento pode variar de acordo com a idade do paciente, dos músculos afetados e da gravidade dos sintomas

Revisão Geral pela Dra. Ana Karolynne Gonçalves - (no G+)

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

VOCÊ PRECISA VER ISSO:

INFORMAÇÃO DO AUTOR: Byanca Stefany

Sou graduada em Ciências Farmaceuticas pela Universidade Federal do Piaui (UFPI), com pós graduação em Fármaco e Medicamentos pela Universidade de São Paulo (USP) mestrado também pela Universidade de São Paulo (USP) na área de Tecnologia Bioquímica Farmacêutica e Doutoranda pela Universidade de São Paulo (USP) na área de Farmácia Fisiopatologista e Toxicologia. Atualmente Trabalho na área de Análise Clinicas, e tambèm atuo no Instituto de Pesquisa de Ciência, tecnologia e Qualidade (ICTQ) e exerço a função de Editor no site "Dicas de Saúde".

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *