Acidez Estomacal – O que é, Causas, Sintomas e Tratamentos

Revisado por

Nutrição - CRN6-MA 16199

Acidez Estomacal – O que é, Causas, Sintomas e Tratamentos
4.9 (97%) 20 vote[s]

Acidez Estomacal – O que é, Causas, Sintomas e Tratamentos desta condição. Além disso, a Acidez Estomacal é uma ferida que se forma no tecido que reveste o estômago, causada por diversos fatores, como má alimentação ou infecção pela bactéria H. Pylori, por exemplo.

acidez estomacal

Ela apresenta como sintoma a dor de estômago, náuseas e vômitos, especialmente após comer, apesar de também poder não apresentar sintomas por muito tempo.

Normalmente, a presença de uma úlcera não é uma situação muito grave, devendo ser tratada com medicamentos antiácidos, que evitam que o suco gástrico presente no estômago torne a ferida ainda maior.

O que é Acidez Estomacal?

A Acidez Estomacal é uma sensação de queimação ou calor no peito, é muito frequente em todas as idades.

Quando os ácidos gástricos chegam no estômago, digerem o alimento. Esses ácidos são muito fortes, há uma camada mucosa especial que protege o estômago do ácido.

O esôfago não tem esta proteção especial. Se o esfíncter esofágico inferior não se fecha completamente, a parte inferior do esôfago pode ser danificada por refluxo ácido do estômago.

Causas da Acidez Estomacal:

A Acidez Estomacal se forma quando o estômago fica vulnerável à sua própria acidez, ao ter suas defesas enfraquecidas. As possíveis causas são:

  • Fator genético;
  • Uso de medicamentos que afetam as defesas da parede do estômago, como anti-inflamatórios ou AAS, por exemplo;
  • Infecção pela bactéria Helicobacter Pylori, que se multiplica no estômago e enfraquece a sua barreira protetora;
  • Consumo de bebidas alcoólicas, que têm efeito irritativo;
  • Estresse, situação que afeta as defesas da mucosa do estômago e favorece o surgimento de sintomas.

Além disso, uma alimentação desequilibrada, rica em gordura, açúcares e alimentos irritativos, como cafeína ou pimenta, por exemplo, podem agravar os sintomas e a progressão da úlcera e outras doenças gástricas, como refluxo. Entenda melhor as causas em como se forma um úlcera.

Sintomas da Acidez Estomacal:

Um indivíduo com Acidez Estomacal leve pode não apresentar sintomas, embora em a respiração fique mais profunda ou ligeiramente mais rápida. Conforme o quadro se agrava, a pessoa começa a sentir-se extremamente fraca e sonolenta. Outros sintomas incluem:

Batimento cardíaco acelerado

  • Dor de cabeça;
  • Confusão mental;
  • Fraqueza e cansaço;
  • Náusea e vômito;
  • Hálito frutado pode ser sintoma de cetoacidose diabética.

Tratamentos Para Acidez Estomacal:

O tratamento para Acidez Estomacal dependerá da gravidade do caso. Em alguns casos, mudanças nos hábitos de vida são suficientes para que haja uma melhora.

Em outros casos, o tratamento é feito através de medicamentos que diminuem a quantidade de ácido produzido pelo estômago, melhorando a motilidade do esôfago, em conjunto com uma dieta alimentar, perda de peso e atividades físicas.

Em casos graves, o médico pode optar por um tratamento cirúrgico, em que é feita uma válvula (através de uma dobra ao redor do esôfago), para que, quando cheio, o estômago comprima a parte terminal do esôfago, impedindo o refluxo.

causas da acidez estomacal

Prevenção Para Acidez Estomacal:

Nem sempre é possível prevenir Acidez Estomacal, mas é importante identificar os sinais de que ela está acontecendo e buscar ajuda o mais rápido possível. Entretanto, existem algumas medidas que podem evitar o surgimento da acidose:

  • Beba água em quantidades adequadas e limite o consumo de álcool;
  • Controle o diabetes, se tiver;
  • Siga as instruções médicas para tomar medicamentos.

Revisão Geral pela Dra. Ana Karolynne Gonçalves - (no G+)

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

VOCÊ PRECISA VER ISSO:

INFORMAÇÃO DO AUTOR: Ana Karolynne Goncalve

Sou graduada no curso de Nutrição pela Universidade Federal do Maranhão(UFMA), CRN6-MA 16199, com Mestrado na área da Nutrição Clínica com relação ao metabolismo, prática e terapia nutricional, realizado também na Universidade Federal do Maranhão(UFMA), Atualmente trabalho no campo de pesquisa sobre a Qualidade e Inovação em Alimentos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *