Benefícios das Plantas

Pervinca – o que é, benefícios e como usar!

pervinca

A pervinca é uma planta comum que pode ser encontrada de forma silvestre ou até mesmo nos quintais de casas, sendo encontrada em regiões tropicais e usada como remédio natural para certos males.

As folhas da planta, são tradicionalmente usadas em infusões para tratar a diabetes, febre e reumatismo, entre outras doenças, e terão sido as suas alegadas propriedades antidiabéticas que levaram ao estudo dos primeiros compostos anticancerígenos de origem natural com utilização clínica, a vincristina e a vinblastina.

pervinca beneficios
pervinca benefícios

A pervinca ou vinca é uma planta herbácea perene, comum na Europa Central e Meridional. Cresce bem em florestas, formando lindos tapetes verdes salpicados de pequenas flores em tons lilás, sebes e mantos em beiras de caminhos, margens de rios, entre outros locais.

Para que serve a pervinca:

A erva é vulgarmente usada para compressas com fins de curar hemorroidas, pois ela é um controlador natural do fluxo sanguíneo, desobstruindo os vasos e veias inchadas que causam as incomodas hemorroidas.

Benefícios da pervinca:

A Vinca é indicada em casos de perturbações circulatórias cerebrais, anemia, fluxo menstrual excessivo e ainda estanca hemorragias da boca ou do ânus. Além disso, esta planta pode ser usada no tratamento de perdas de memória, vertigens, enxaquecas, fragilidade capilar e problemas de anginas. Os principais benefícios da pervinca atuam para melhorar os processos de digestão e também influencia na melhora de afecções urinárias.

Mesmo com todos esses benefícios, a planta ainda está sendo considerada anti-cancerígena, devido à presença de duas grandes e importantes substâncias que possuem esse efeito. Vale ressaltar também que estudos estão sendo levantados sobre a ação antidiabética que a vinca-menor possui. Mesmo sem respostas precisas, os pesquisadores estão confiantes.

1. Combate ao inchaço:

Suas propriedades diuréticas trabalham no aumento da eliminação do excesso de líquido de corpo através da urina. O resultado disso é o combate à retenção de líquido no organismo e, consequentemente, ao inchaço no corpo, que é causado justamente pela condição.

2. Diabetes e malária:

A medicina tradicional da China utiliza a vinca como parte do tratamento de doenças como diabetes e malária. A medicina popular das Filipinas também faz uma utilização antidiabética da planta medicinal.

3. Tratamento de picadas:

A planta é utilizada na Ayurveda, um conhecimento médico desenvolvido na Índia, para tratar picadas de vespas.

4. Auxílio ao tratamento de abcessos:

Abcessos são acúmulos de pus, causados geralmente por uma infecção bacteriana. Em Botsuana, existe a prática de mergulhar as folhas da planta no leite para amolecer os abcessos.

Como de usar a pervinca:

Uma das formas mais acessíveis de incluir a planta em tratamentos alternativos de saúde é a partir do preparo do chá. Para isso você vai precisar de 200 ml de água filtrada e uma colher (de sobremesa) da planta seca. Com ajuda de uma panela com tampa, coloque a água para ferver. Assim que começar a borbulhar, desligue o fogo e acrescente a quantidade recomendada de vinca.

beneficios da pervinca
benefícios da pervinca

Deixe a mistura descansar por cerca de 10 minutos. Passado esse tempo, use uma peneira para remover toda a erva para que fique somente o líquido. A recomendação é que a ingestão diária não ultrapasse as três xícaras.

Efeitos colaterais da pervinca:

Mesmo não havendo relatos de mortes por envenenamento com esta planta, é necessário que o consumidor procure um médico especialista e o questione sobre qual a dose correta para cada caso.

Uma superdosagem pode causar uma queda na pressão arterial e também problemas relacionados à liberação do leite materno. Desta forma, mulheres grávidas ou em período de lactação não devem utilizar a pervinca.

Formado em Comunicação Social, especialista em jornalismo digital e SEO, responsável por criar diversos projetos na internet, afim de levar conhecimento à todos sobre saúde, beleza, bem estar, natureza e entretenimento.

Deixe um comentário