Óleo de Valentina – O que é, Benefícios e Como Usar

Revisado por

Dr. Valeria Carneiro Graduada em Ginecologia e Obstetrícia!

Especialista do Cura Natural

Óleo de Valentina – O que é, Benefícios e Como Usar
4.5 (90%) 2 vote[s]

Óleo de Valentina – O que é, Benefícios e Como Usar de maneira correta e sem causar problemas a saúde. Além disso, Óleo de Valentina é geralmente uma flor perene que se originou nas partes da Ásia e da Europa, e também é encontrada hoje em dia nas partes dos Estados Unidos. O nome científico desta planta benéfica é conhecido como Valeriana officialis. Há mais de 260 variedades da planta.

Existem vários tipos de efeitos colaterais, bem como aplicações médicas que são totalmente iguais durante todo o período. Então, use este óleo sob orientação do médico.

O Óleo de Valentina contém vários minerais que auxiliam em diversos problemas de saúde. Esses minerais ajudam a tratar distúrbios de sono, problemas de estômago, cólicas menstruais, entre outros.

Óleo de Valentina tem efeitos positivos sobre todo todo o sistema cardiovascular. Assim, ele pode ajudar a melhorar a circulação sanguínea, fortalecer os vasos sanguíneos, organizar o trabalho do coração, o que pode reduzir o risco de doenças cardíacas como o infarto do miocárdio e taquicardia.

Uso Medicinal do Óleo de Valentina:

Na fitoterapia é uma das primeiras plantas em que se pensa para acalmar pessoas ansiosas ou em ataques de pânico. É indicada em casos de neurastenia e crises nervosas de origem emocional. Pode ser usada como ansiolítico, anti-convulsionante na epilepsia e em casos de insônia. Também é bem aceito como analgésico, sedativo e antiespasmódico.

Benefícios do Óleo de Valentina:

O óleo de valentina vai ajudar pessoas que sofrem de distúrbios do sistema nervoso, histeria, neurose, irritabilidade nervosa, dores de cabeça crônicas e até mesmo vício em cafeína. Graças às propriedades calmantes do óleo de valentina, ele é efetivamente usado para insônia e outros distúrbios do sono. Confira outros Benefícios do Óleo de Valentina:

  • Cura Distúrbios do Sono;
  • Trata o Mal-Estar;
  • Promove Problemas na Pele;
  • Trata a Palpitações Cardíacas;
  • Previne as Rugas;
  • Alivia Cólicas Menstruais;
  • Elimina as Caspas;
  • Melhora a Digestão.

Como Usar Óleo de Valentina:

Você Pode fazer a aplicação externa, pode usar o óleo de valentina também para a pele. Assim, ele pode refrescar e suavizar a pele e reduzir a sua sensibilidade, bem como remover o inchaço. Com o Óleo de Valentina pode tratar dor nas costas porque tem efeito analgésico. O Óleo de Valentina pode ser utilizado para tratar feridas, cortes, picadas de insectos.

Quais são os Efeitos Colaterais do Óleo de Valentina:

O uso excessivo do Óleo de Valentina pode piorar os sintomas das doenças como: síndrome, colite, doença de Crohn do intestino irritável; bem como diarreia, inchaço abdominal e sangue nas fezes.

Então use o Óleo de Valentina com orientação medica de forma moderada e aproveite todos os benefícios que este óleo tem para lhe oferecer, lembrando que você pode adicionar uma pequena quantidade de óleo essencial de lavanda e gel de aloe vera para obter melhores resultados.

Revisão Geral pela Dra. Ana Karolynne Gonçalves - (no G+)

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

VOCÊ PRECISA VER ISSO:

INFORMAÇÃO DO AUTOR: Valeria Carneiro

Dr. Valeria Carneiro Graduada na Universidade Federal de Minas Gerais em Medicina Especializada em Ginecologia e Obstetrícia, Pós Graduada no Departamento de Ginecologia na UNIFESP/ EPM a 2 anos, Experiencia clinica em patologias do trato genital feminino e foco em cirurgias ginecológicas como também especialista em partos normais e cirúrgicos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *