Doenças e Tratamentos

Miopia – o que é, causas, sintomas e tratamentos!

miopia

A miopia é uma condição ocular, em que a pessoa vê objetos próximos com clareza, mas já objetos distantes não consegue, o grau pode afetar sua capacidade de focar em objetos distantes.

Pessoas com miopia elevada podem ver claramente apenas objetos a poucos centímetros de distância, enquanto aqueles com a doença moderada podem ver claramente os objetos até vários metros de distância.

miopia
miopia

A miopia pode se desenvolver rapidamente e gradualmente, muitas vezes piora durante a infância e adolescência. Tende a afetar membros da mesma família. Pelo menos 25 a 45% da população ocidental é afetada.

Causas da miopia:

Embora se desconheçam de forma exata as causas da miopia, é de lei que as pessoas com história familiar apresentam mais probabilidade de vir a desenvolvê-la com o passar do tempo.

Causas da miopia podem ser três:

1º Axial ocorre quando o comprimento do olho é maior do que o comprimento ótico. Tratam-se de grau elevado e, geralmente, evolutivas ao longo da vida. Veja mais em patológica.

2º Alteração da curvatura da córnea (a mais frequente), isto é, a córnea é mais curva que o normal e leva à formação da imagem dos objetos antes de chegar à retina.

3º de índice é uma tardia que aparece, normalmente, depois dos 60 anos, quando as pessoas têm cataratas nucleares. Estas levam ao aumento do índice refrativo do cristalino, permitindo uma boa acuidade visual ao perto, mesmo sem óculos.

Sintomas de miopia:

Os sintomas mais “comuns” da miopia são: visão embaçada mais à distância, dificuldade para identificar objetos afastados, dirigir automóveis, assistir a filmes, entre outros.

A capacidade ocular parece melhorar fechando um pouco os olhos, mas não corrigida pode provocar dores de cabeça, tensão ocular e lacrimejamento.

Tratamentos:

Existem tratamentos de córnea feitos com a aplicação de luz laser ultravioleta. Que tem a propriedade de evaporar pequenas quantidades de tecido da córnea. Corrigindo assim, hipermetropia, astigmatismo, associados ou sozinho.Têm sido utilizados desde 1987 com este propósito.

Sob anestesia local (colírio anestésico), o laser é aplicado confortavelmente direto sobre a córnea (PRK) ou no interior deste tecido, após uma microincisão (LASIK), para graus muito altos.

Formado em Comunicação Social, especialista em jornalismo digital e SEO, responsável por criar diversos projetos na internet, afim de levar conhecimento à todos sobre saúde, beleza, bem estar, natureza e entretenimento.

Deixe um comentário