Dieta da Tiroide – O que é e Como Funciona

Revisado por

Formado em Clínico Geral pela USP!

Especialista do Cura Natural

Dieta da Tiroide – O que é e Como Funciona
4.8 (96.67%) 12 vote[s]

A Dieta da Tiroide – O que é e Como Funciona  pois a Dieta da Tireoide ajuda quem sofre com problemas de ganho de peso devido ao problema da tireoide. Além disso, antes de prosseguir com a Dieta da Tireoide, é importante conhecer e compreender o problema da Tireoide.

A Tireoide ou a glândula tireoidea é basicamente uma das maiores glândulas endócrinas presentes no pescoço abaixo da cartilagem tireóidea.

Tem uma forma de borboleta com duas asas presas por uma parte do meio (istmo). Esta glândula controla a maioria das funções orgânicas do corpo, como o uso de energia pelo corpo, fazendo proteínas e controlando a sensibilidade do corpo a outros hormônios.

Está envolvido na produção de hormônios tireoidianos, dos quais os mais importantes são a triiodotironina (T3) e a tiroxina, também conhecida como tetraiodotironina (T4) que representa 99% e 1% dos hormônios tireoidianos presentes no sangue, respectivamente.

A glândula tireoidiana usa iodo de fontes alimentares como frutos do mar, pão e sal para produzir hormônios tireoidianos.

Os problemas da Tireoide tornaram-se generalizados, especialmente entre as mulheres. Existem dois principais distúrbios da Tireoide:

Hipotiroidismo: o hipotireoidismo é caracterizado pela produção de hormônio da Tireoide abaixo do nível normal. Muitas vezes, resulta em ganho de peso e é a forma mais comum de distúrbio da tireoide.

Hipertiroidismo: este distúrbio é caracterizado pela produção excessiva de hormônio da Tireoide devido a uma glândula Tireoide hiperativa. Os sintomas incluem aumento da frequência cardíaca, depressão, perda de peso e desaceleração cognitiva.

Existem vários transtornos que contribuem para o hipotireoidismo e esses distúrbios envolvem a glândula Tireoide, direta e indiretamente.

Uma vez que os hormônios tireoidianos estão envolvidos no crescimento, desenvolvimento e vários outros processos celulares no organismo, hormônios tireoidianos inadequados podem provocar várias implicações para a saúde.

Isso pode causar atrasos no crescimento e desenvolvimento intelectual das crianças. Os sintomas do hipotireoidismo incluem cansaço, intolerância ao frio e aumento de peso.

A deficiência de iodo é um dos fatores mais comuns de hipotireoidismo em todo o mundo. A deficiência excessiva de iodo pode até levar a um problema autoimune conhecida como tireoidite de Hashimoto. Alguns outros fatores de hipotireoidismo são os seguintes:

  • Exposição a toxinas ambientais, como pesticidas,
  • Exposição a metais pesados como o mercúrio,
  • Estresse crônico.

O hipotiroidismo pode ser diagnosticado através de exames de sangue para a tiroxina e hormônio estimulante da tiroide.

Dieta da Tiróide Como Funciona:

Perder peso torna-se muito mais difícil caso seja diagnosticado com hipotireoidismo. Isso causa uma desaceleração no seu metabolismo, levando em última instância a baixos níveis de energia. Esses problemas interferem com seus esforços para Perder peso. Você precisa seguir algumas dicas para Perder peso com sucesso.

1. Consulte com o seu Médico:

Se você sofre de distúrbios da Tireoide, é extremamente importante consultar seu médico para suas sugestões quanto ao seu tratamento. Os pacientes com Tireoide geralmente têm que exercitar mais e prestar maior atenção ao consumo de alimentos.

Os resultados geralmente não são tão rápidos quanto o esperado. Então você precisa estar plenamente consciente de como pode conseguir resultados positivos na perda de peso com a Dieta da Tireoide.

2. Beba muita água:

Beber água adequadamente é benéfica para o bem-estar de todos. Mas uma pessoa com um problema de Tireoide precisa ir além da normal, pois ele precisa colocar esforços adicionais.

Dietas regulares recomendam beber pelo menos 8 copos de água por dia, mas um plano de Dieta da Tireoide exige que o paciente tome um copo adicional de água por cada quilo de peso que deseja perder.

A água acelera seu metabolismo, ajudando assim na redução do apetite, eliminação da retenção de água e inchaço e facilitar a digestão adequada.

3. Aumente seu Consumo de Fibra:

Um paciente com Tireoide precisa consumir a quantidade recomendada de fibra para Perder peso em uma Dieta da Tireoide. Alimentos que são boas fontes de fibra incluem frutas, nozes, vegetais e grãos integrais. Você pode aumentar consumo de fibras tanto na forma de alimentos como em suplementos.

4. Tome uma Xícara de Chá Verde:

Os pacientes hipotiroidos muitas vezes se sentem lentos e cansados demais para se exercitar. Mas para Perder peso com sucesso com a Dieta da Tireoide, eles precisam de energia adicional para se exercitar. Tomar uma xícara de chá verde pode fazer com que se sintam mais energizados e motivados para se exercitarem.

5. Exercício Regularmente:

Um regime com a Dieta da Tireoide e exercício diário é benéfico para exercitar o corpo e fortalecer seus músculos. Pessoas com baixa condição tireoidiana precisam ter um treino bastante longo e extenuante. Um treino rigoroso irá melhorar o metabolismo do paciente e ajudá-lo na perda de peso.

Um paciente com Tireoide pode tentar exercícios com peso ou aeróbica. O treinamento de força é uma maneira eficaz de construir músculos magra que melhora a capacidade do corpo de queimar mais calorias quando não se exercita.

Meio quilo de músculo pode queimar até 60 calorias em um dia em comparação com meio quilo de gordura que queima apenas 6 a 10 calorias por dia.

6. Medicamentos que impedem a Perda de Peso:

É aconselhável consultar um médico para medicamentos alternativos que não interferem com os esforços de perda de peso com a Dieta da Tireoide. Um paciente hipotireoideano pode considerar tomar suplementos naturais, como algas e iodo, o que ajuda a melhorar a questão da tiroide.

Revisão Geral pela Dra. Ana Karolynne Gonçalves - (no G+)

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

VOCÊ PRECISA VER ISSO:

INFORMAÇÃO DO AUTOR: Osmar da Costa Junior

Sou formado em medicina pela USP no ano de 2012, com especialização em Clínico Geral. Atuo na área de estudo e orientação inicial de doentes; Coordenação de exames de saúde regular; Diagnóstico e tratamento de grande parte das doenças de adultos; Acompanhamento e tratamento de doentes crônicos; Orientação de pacientes que apresentam quadros complexos, com patologias raras e múltiplas, juntamente com a participação de outros especialistas, quando for necessário; Integração final de dados clínicos e exames complementares, decorrentes da observação dos pacientes por outro especialista.

Atualmente sou Clinico Geral residente no Hospital Regional de Cotia e Editor no site "Cura Natural" onde tenho participação com comentários, e criação de artigos relacionados a saúde.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *