Cobalamina – O que é, Benefícios e Deficiência

Revisado por

Nutrição - CRN6-MA 16199

Cobalamina – O que é, Benefícios e Deficiência
4.5 (90%) 4 votes

Cobalamina – O que é, Benefícios e Deficiência que poucos conhecem. Além disso, a Cobalamina e a Vitamina B12, na verdade são a mesma coisa. A Cobalamina faz parte do complexo B de vitaminas e desempenha papel indispensável no nosso organismo, sendo fundamental na formação sanguínea.

Além de ajudar na formação de glóbulos vermelhos, a Cobalamina auxilia na produção de energia para o nosso corpo, apoia o sistema imunológico e o funcionamento do sistema nervoso. Pra completar, a vitamina B9 (ácido fólico) precisa da Cobalamina para ser melhor absorvida e metabolizada pelo organismo.

Como a Cobalamina só pode ser obtida através da digestão de proteínas animais, os vegetarianos podem apresentar deficiência dessa vitamina, sendo obrigados a recorrer a suplementos vitamínicos.

O excesso de Cobalamina no organismo é muito raro, já que eliminamos a Cobalamina através da urina quando nosso corpo apresenta um excesso.

Para que Serve a Cobalamina:

​A Cobalamina serve para a formação das células do sangue juntamente com o ácido fólico. Quando o consumo de alimentos ricos em Cobalamina é pequeno, como ocorre especialmente entre os vegetarianos, deve-se tomar um suplemento alimentar de Cobalamina, para evitar a anemia perniciosa e outras complicações, como o derrame cerebral e as doenças cardíacas.

Essa prescrição deve ser sempre feita por um médico especialista como o gastroenterologista ou hematologista.

Fontes de Cobalamina:

A Cobalamina se encontra em maior quantidade em alimentos de origem animal como produtos lácteos, carnes, fígado, peixes e ovos.

​Lista de alimentos ricos em Cobalamina:

  • Ostra;
  • Fígado;
  • Carnes em geral;
  • Ovos;
  • Leite;
  • Levedo de cerveja ;
  • Cereais enriquecidos.

Benefícios da Cobalamina:

Auxilia na Perda de peso:

Esse benefício oferecido pela Cobalamina vem do fato dela ser capaz de aumentar o metabolismo, deixando-o mais rápido fazendo com que o nosso organismo consuma mais energia.

Porém, esse benefício não foi verificado em pessoas que já consomem níveis normais desse nutriente.

Hipertrofia Muscular:

Como a Cobalamina tem participação importante no bom funcionamento do sistema nervoso ela ajuda na contração muscular, fazendo com que a resposta cerebral a essa contração seja mais eficaz.

Além desse benefício, por melhorar o metabolismo dos carboidratos, a Cobalamina consegue auxiliar no fornecimento de mais energia durante os treinos, melhorando o desempenho.

Melhora o Sistema Nervoso:

A Cobalamina é participante ativa na produção da bainha de mielina, uma substância que faz com que as informações externas recebidas pelo nosso corpo cheguem mais rápido ao cérebro.

Por exemplo, quando você espeta o dedo em algum objeto, a sua reação imediata é retirar o dedo dali. Isso acontece porque o sistema nervoso consegue levar essa informação de forma rápida e precisa evitando que você se lesione.

Resistência e Aumento de Energia:

A manutenção dos glóbulos vermelhos, pela qual a Cobalamina é responsável, se une às suas funções no metabolismo para aliviar ou evitar a sensação de fadiga.

De um lado, com glóbulos vermelhos numerosos e saudáveis, os músculos recebem um aporte adequado de oxigênio.

Reduz o Colesterol:

Entre os benefícios da Cobalamina encontra-se também a manutenção de níveis baixos de colesterol, o que é extremamente benéfico para o sistema circulatório, uma vez que previne ou ao menos alivia significativamente a hipertensão arterial e o processo de arteriosclerose.

Previne a Doença de Alzheimer:

A Cobalamina é eficaz contra o Alzheimer. Esta doença é acompanhada por sintomas como confusão e degeneração cognitiva.

Tem sido relatado por médicos especialistas que em geral, os pacientes que sofrem desta doença contêm quantidades inferiores de Cobalamina no seu corpo.

Combate a Fadiga:

E um recurso significativo para aliviar o corpo humano quando exposto a fadiga e fraqueza. Assim, a Cobalamina tem o potencial para melhorar a resistência geral do corpo humano para resistir à pressão de trabalhos pesados.

Favorece a Saúde da Pele e Unhas:

Pelas suas funções na reprodução celular, a Cobalamina encoraja a constante renovação das células da pele, do cabelo e das unhas.

Essa constante renovação garante rápida recuperação de quaisquer danos, o que gera tecidos mais saudáveis e de melhor aparência.

Aumenta a Fertilidade Masculina:

A Cobalamina é, ainda, capaz de aumentar o número de espermatozoides no sêmen. Essa função não é trivial, uma vez que o baixo número de espermatozoides é uma das principais causas de infertilidade masculina, que em muitos casos pode ser tratada através da normalização dos níveis de Vitamina B12.

Previne o Câncer da Mama:

Verificou-se que as mulheres que sofrem de câncer da mama são muitas vezes deficientes em Cobalamina.

Assim, uma dieta rica em Cobalamina presente é recomendado para a possível prevenção do desenvolvimento desta doença terrível.

Auxilia no Reparo das Células:

Os benefícios da Cobalamina, o mais abrangente é o seu papel na formação e no reparo das células.

Nesse sentido, são múltiplas as funções da Cobalamina, que participa por exemplo da formação e da manutenção dos glóbulos vermelhos.

Deficiência de Cobalamina:

A deficiência da Cobalamina pode causar uma série de problemas. A ausência da substância leva a lesões irreversíveis no sistema nervoso, devido à morte dos neurônios.

Isso irá provocar neuropatias que tem como sintomas mais comuns o formigamento nas pernas, queimação na sola dos pés, dificuldade para andar e incontinência urinária.

A deficiência da Cobalamina pode causar uma série de problemas de saúde. A falta da Cobalamina aumenta o risco de problemas cardíacos, osteoporose, câncer, gripe e resfriado, e doenças autoimunes como esclerose múltipla e diabetes tipo 1.

Revisão Geral pela Dra. Ana Karolynne Gonçalves - (no G+)

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

VOCÊ PRECISA VER ISSO:

INFORMAÇÃO DO AUTOR: Ana Karolynne Goncalve

Sou graduada no curso de Nutrição pela Universidade Federal do Maranhão(UFMA), CRN6-MA 16199, com Mestrado na área da Nutrição Clínica com relação ao metabolismo, prática e terapia nutricional, realizado também na Universidade Federal do Maranhão(UFMA), Atualmente trabalho no campo de pesquisa sobre a Qualidade e Inovação em Alimentos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *