Cálamo Aromático – O que é, Benefícios e Como Usar

Revisado por

Nutrição e Educação Física pela UFT

Especialista do Cura Natural

Cálamo Aromático – O que é, Benefícios e Como Usar
5 (100%) 1 vote[s]

Cálamo Aromático – O que é, Benefícios e Como Usar essa planta. Além disso, o Cálamo Aromático é uma planta aquática com tronco subterrâneo e raízes chatas e finas. Com sabor amargo, a planta é originária da Índia e da África, mas pode ser encontrada por todo o mundo. Com tamanho de 60 a 150 cm, o Cálamo Aromático possui folhas estreitas e lanceoladas, e um aroma muito agradável, semelhante ao da tangerina.

Benefícios e Propriedades da Cálamo Aromático:

O chá do Cálamo Aromático pode ser usado contra bronquites, catarro, tosse e problemas digestivos. Possui benefícios no combate à flatulência, ao vômito e ao raquitismo e, além disso, auxilia na digestão pesada e em caso de escassez de suco gástrico, ou de gastrite crônica, uma vez que elimina os gases presentes no sistema digestivo.

Pode ser usado ainda como um relaxante muscular e como sedativo suave para o sistema nervoso, agindo no combate à halitose e gastrite de origem nervosa, à hiperazotemia, inchaços e icterícias. Entre seus princípios ativos encontramos os óleos essenciais R-asaronio, B-asaronio, acoronio, B-gurjunius, ZZ-deca-4, 7-dienal, além de resinas e taninos.

Contraindicações e Precauções da Cálamo Aromático:

O uso na forma de banhos ou de massagem corporal e o uso de óleos deve ser evitado por mulheres gestantes ou em fase de lactação, além de crianças menores de dois anos. É importante que o rizoma seja desidratado antes do consumo. Não consuma por longos períodos, pois pode causar câncer e é tóxico sobre o sistema nervoso central.

Como usar a Cálamo Aromático:

Infusão: para preparar a infusão, use a proporção de 10g para cada meio litro de água. Coloque o rizoma na água e leve ao fogo. Ao alcançar a ebulição, deixe cozinhar por aproximadamente dez minutos.

Em seguida, desligue e tampe, deixando descansar por dez minutos. Coe e adoce com mel ou adoçante. Para melhorar o sabor, use casca de limão. Consuma sempre após as principais refeições. É usado para problemas digestivos.

Para fins colutórios e hidropsia hepática, deve ser usada a proporção de 30g de rizoma para cada litro de água. Para clorose, use 40g para cada litro de água.

Decocção: a decocção pode ser feita com uma colher de sobremesa de pó de rizoma por copo de água. Deixe em água quente por cinco minutos, e deixe esfriar. Coe, adoce com mel e consuma três copos por dia, sempre após as refeições. Dessa forma, possui benefícios digestivos.

Revisão Geral pela Dra. Ana Karolynne Gonçalves - (no G+)

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

VOCÊ PRECISA VER ISSO:

INFORMAÇÃO DO AUTOR: Alan Costa

Sou nutricionista e Personal Trainer. Me formei pela Universidade Federal do Tocantins em 2002, com registro profissional no CRN-4 nº 1509723, tenho especialização em Nutrição Esportiva, Treinamento Físico e treinos Curto de alta intensidade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *