Passiflora – O que é, Benefícios e Como Usar

Revisado por

Nutrição e Educação Física pela UFT

Especialista do Cura Natural

Passiflora – O que é, Benefícios e Como Usar
4.8 (95%) 4 vote[s]

Passiflora – O que é, Benefícios e Como Usar para sua saúde. Além disso, a planta Passiflora é conhecida como flor de maracujá. Essa planta é excelente para saúde e proporciona diversos benefícios para o corpo. Todo mundo sabe, afinal, que se trata de uma das plantas mais utilizadas no Brasil.

A maneira correta de chamar a flor do maracujá é chama-lá de Passiflora, mas regionalmente pode ser conhecida como flor-da-paixão ou maracujá-sylvestre.

passifloraUtilizada para fins ornamentais – por ser uma flor de extrema beleza – a Passiflora também contém diversas propriedades medicinais benéficas para o organismo humano.

As principais propriedades da flor Passiflora são:

  • Analgésica;
  • Calmante;
  • Antidepressiva;
  • Antiespasmódica;
  • Sedativa;
  • Hipotensora;
  • Relaxante.

Passiflora ainda possui poucas calorias e é rica em vitamina A, vitamina B e vitamina C, cálcio, antioxidantes, sódio, fibras, fósforo e potássio.

Passiflora serve como um calmante, por isso é indicada para pessoas que sofrem de nervosismo, ansiedade, depressão, irritabilidade, déficit de atenção, insônia e outros males psicológicos ou psiquiátricos.

O melhor de tudo, é que você pode aproveitar os benefícios da Passiflora sem se preocupar com o ganho de peso, pois a planta é uma flor com baixíssimo índice calórico!

Modo de Consumo da Passiflora:

Folhas Secas: Para cada 16g de folhas de passiflora, leve ao fogo 275 ml de água filtrada, deixando ferver por até 10 minutos. Depois, coe e beba o chá ao longo da tarde.

Sementes secas – Para cada 5g de sementes secas de passiflora ou maracujá, leve ao fogo 300ml de água filtrada e deixe ferver por até 10 minutos. Coe e beba o chá duas vezes ao dia.

Efeitos Colaterais da Passiflora:

Assim como o maracujá e qualquer outro calmante, o consumo excessivo de passiflora pode provocar sonolência excessiva, além de causar distúrbios visuais. Seu consumo é contra indicado para gestantes, lactantes e pessoas que sofram de hipotensão arterial.

Revisão Geral pela Dra. Ana Karolynne Gonçalves - (no G+)

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

VOCÊ PRECISA VER ISSO:

INFORMAÇÃO DO AUTOR: Alan Costa

Sou nutricionista e Personal Trainer. Me formei pela Universidade Federal do Tocantins em 2002, com registro profissional no CRN-4 nº 1509723, tenho especialização em Nutrição Esportiva, Treinamento Físico e treinos Curto de alta intensidade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *