Óleo de Linhaça – O que é, Benefícios e Como Usar

Revisado por

Dr. Valeria Carneiro Graduada em Ginecologia e Obstetrícia!

Especialista do Cura Natural

Óleo de Linhaça – O que é, Benefícios e Como Usar
5 (100%) 4 vote[s]

Óleo de Linhaça – O que é, Benefícios e Como Usar de maneira correta. Além disso, o óleo de linhaça é extraído das sementes da planta do linho (Linum usitatissimum). Estas plantas são nativas da região que abrange desde o Mediterrâneo até a Índia.

Além da produção do óleo de linhaça, a planta do linho é útil como uma fonte de fibra, que também pode ser consumida ou usada para fazer roupas de cama. Atualmente o óleo de linhaça é produzido em grande escala no Canadá e noroeste dos Estados Unidos.

Semente de linhaça triturada pode ser misturado com água ou suco e tomado por via oral. A linhaça também está disponível em forma de pó. O óleo de linhaça está disponível nas formas líquida e em cápsulas. A linhaça contém lignanas (fitoestrógenos ou estrógenos vegetais), enquanto as preparações de óleo de linhaça reduz as lignanas.

Para que Serve o Óleo de Linhaça:

O óleo extraído da linhaça tem funções semelhantes à semente da linhaça quando triturada ou consumida em suas mais diversas formas. O óleo de linhaça tem muito ômega 3 o fitoestrógeno. O ômega 3 atua protegendo o coração e vasos sanguíneos, melhorando a elasticidade das artérias e a irrigação sanguínea.

Estes e muitos outros nutrientes, além de serem importantes para uma boa nutrição, formam também um excelente antialérgico, que fortalece as defesas do organismo aos mais diversos alérgenos.

Benefícios do Óleo de Linhaça:

Quais são os benefícios do óleo de linhaça? O óleo de linhaça é conhecido por sua alta concentração de ácidos graxos ômega 3. De fato, nenhuma outra planta contém níveis tão elevados como o óleo de linhaça. Por esta razão, o óleo extraído da linhaça é um bom suplemento dietético que pode oferece benefícios para saúde, bem como alguns ganhos de desempenho associados com ácidos graxos ômega 3 em geral. Veja Outros Benefícios do Óleo de Linhaça:

  • Reduz a inflamação, dores e inchaços;
  • Trata a acne, eczema, psoríase, queimaduras oslares e rosáceas;
  • Promove cabelos e unhas saudáveis;
  • Reduz o risco de câncer e os efeitos do envelhecimento;
  • Reduz os sintomas da menopausa, cólicas menstruais, infertilidade feminina e endometriose;
  • Acelera o Metabolismo;
  • Reduzir do acúmulo de gordura.

Como Usar Óleo de Linhaça:

Por estes e outros motivos, o óleo da linhaça é um ótimo alimento funcional que, se consumido adequadamente e com a devida orientação médica, pode ser de grande auxílio, atuando na prevenção de doenças e melhora da saúde em geral. O óleo de linhaça possui 9Kcal por grama, o que não é muito. Considerando isto e o preço bem maior que outros óleos, é bom não exagerar no consumo. O óleo de linhaça não engorda, mas tudo em excesso faz mal e pode prejudicar sua saúde.

Outros usos para o óleo de linhaça incluem: tratamento para madeira, selando ela contra manchas e umidade; tratamento para pinturas, selando a tinta e a protegendo contra umidade e danos naturais.

Efeitos Colaterais do Óleo de Linhaça:

A presença de uma alta quantidade de Fibra em Óleo de Linhaça, proporciona-lhe uma propriedade laxante. Quando usado em quantidades excessivas, isso pode realmente desencadear um desconforto abdominal, aumentando a frequência e a contagem de seus movimentos intestinais.

Você pode até sentir Diarreia. Se não tratada, esta situação pode provocar complicados problemas de saúde, tais como Colite ulcerativa e síndrome do intestino irritável. Pessoas que sofrem de síndrome do intestino irritável, colite ulcerativa, doença de Crohn, e Diverticulite nunca deve consumir a Linhaça.

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

VOCÊ PRECISA VER ISSO:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *