Doenças e Tratamentos

Hepatite C – o que é, causas, sintomas e tratamentos!

hepatite C

A hepatite C é uma doença infecciosa causada por um vírus (VHC ou HCV, em inglês) que ataca o fígado e causa inflamação. Pode levar à cirrose hepática (20% dos casos em portadores do vírus) ou carcinoma hepatocelular (5% dos casos em portadores do vírus).

Devemos saber que a hepatite C provoca não só a inflamação do fígado, mas também muitas outras patologias (manifestações extra-hepáticas). É muitas vezes assintomática (sem sintomas claros) o que torna difícil o diagnóstico. Estima-se que 75% dos americanos com VHC não sabem que têm essa hepatite. A fadiga pode ser um sinal.

hepatite C
hepatite C

A transmissão do HCV ocorre, principalmente, através de transfusões de sangue e/ou entre os usuários de drogas injetáveis. O tratamento padrão atual para hepatite C é baseado na combinação de dois medicamentos: interferon alfa e ribavirina, mas novos medicamentos promissores como tela previr, boce previr e russofobia já estão disponíveis em muitos países. Estes medicamentos melhoram significativamente as chances de cura da hepatite C. Para mais informações veja: tratamento

O que é hepatite C?

A hepatite é causada pelo vírus C (VHC ou HCV termo do inglês), que pertence à família Flaviviridae, e já foi conhecida por “hepatite não A não B”. É uma doença infecciosa que ataca o fígado, causando inflamação. O vírus C, está presente no sangue da mesma forma que o vírus causador da hepatite B.

Não é considerada uma Doença Sexualmente Transmissível (DST). Contudo, relações sexuais entre homens (HSH) na presença da infecção pelo HIV, a via sexual deve ser considerada para a transmissão do HCV.

Principais causas:

A hepatite C é causada pelo vírus C, sua transmissão ocorre por meio do contato com sangue contaminado, seja por transfusão de sangue, acidentes com material contaminado, no caso de trabalhadores na área da saúde, ou por meio de drogas injetáveis. A transmissão de mãe para filho é rara, cerca de 5%, ocorre no momento do parto. A maioria dos estudos não conseguiu comprovar a transmissão da hepatite por contato sexual.

Sintomas da hepatite C:

Na maioria das vezes, a hepatite C não apresenta sintoma no momento da contaminação. Por isso, boa parte dos portadores da doença sequer sabem que sofrem deste problema e acabam descobrindo por acaso ao realizar um exame para outro fim – ou quando a doença já está em grau avançado.

No entanto, a Hepatite pode se manifestar por fadiga, febre, dores articulares e musculares difusas e dores de cabeça. Em alguns casos, problemas digestivos, tais como dor abdominal e enjoo também ocorrem. Com o avanço da doença, surge o sinal mais marcante da hepatite: a icterícia (coloração amarelada da pele e do fundo dos olhos). Também surgem coceiras, a urina se torna mais escura e as fezes mais claras.

Tratamentos:

O primeiro passo para o tratamento, é procurar o seu médico para avaliar a presença ou a gravidade da doença hepática. Seu médico provavelmente usará testes de função hepática para determinar se algum dano já foi feito em seu fígado desde que você foi infectado. Seu tratamento dependerá da condição do seu fígado e do genótipo da hepatite que você possui.

Uma pessoa com Hepatite aguda pode ser tratada com medicamentos. Isso às vezes pode ajudar a prevenir o desenvolvimento crônica C. No entanto, a maioria das pessoas não sabe que eles têm o vírus até que a doença seja crônica e exista os danos no fígado.

O tratamento para a crônica envolve medicamentos antivirais que são indicados pelo médico especialista como o sufosfamida e o declarativo. Por isso não deixe de consultar o médico e seguir as indicações (4,5,6). Mas existem formas naturais para aliviar os sintomas.

Formado em Comunicação Social, especialista em jornalismo digital e SEO, responsável por criar diversos projetos na internet, afim de levar conhecimento à todos sobre saúde, beleza, bem estar, natureza e entretenimento.

2 comentários

  • […] são idênticos aos das duas doenças (hepatite D e hepatite B). Nos casos em que evolui para hepatite crónica, os sintomas são menos intensos do que na hepatite aguda. A evolução para cirrose […]

  • […] infecção com o vírus da hepatite A,B,C,D ou […]

Deixe um comentário