Erva Jaboti – O que é, Benefícios e Como Usar!

Revisado por

Nutrição - CRN6-MA 16199

Erva Jaboti – O que é, Benefícios e Como Usar!
4.5 (90.91%) 11 vote[s]

Erva Jaboti – O que é, Benefícios e Como Usar de forma simples. Além disso, a planta conhecida como erva de Jaboti, cujo nome científico é peperomia pellucida (L.) Kunth pertence à família das Piperaceae, e pode ser encontrada ainda pelos nomes de garrapatilha, peperomia, comida de jaboti, coraçãozinho, corazón de hombre, pansit-pansitan, tangon-tangon, ulasiman-bato, entre outros.

Jaboti beneficios A planta é usada para fins medicinais, pois apresenta propriedades benéficas à saúde. Facilmente encontrada em jardins e quintais brasileiros, a planta vem sendo consumida como um alimento com sabor bastante delicado.

Benefícios e Propriedades:

A planta possui alguns benefícios que estão relacionados às propriedades medicinais, que são sua ação como diurético, digestivo, anti-inflamatório, hipotensor e emoliente.

Atua no tratamento de enfermidades do coração, inflamações do reto, constipações e resfriados, tosse, má digestão, inchaços, conjuntivites, furúnculos, abscessos, pruridos, entre outros.

Todas as partes são usadas na forma de cataplasma morno para tratar fadiga, reumatismo e abscessos, enquanto as folhas podem ser usadas para enxaqueca e convulsões. A infusão da planta ajuda a tratar dores reumáticas e o nervosismo, principalmente externamente, usado em banhos.

O suco feito com as folhas de Jaboti ajuda no tratamento de cólicas e dores abdominais, e a planta pode ser consumida ainda na forma de salada, feita com as folhas frescas.

Usos da Erva Jaboti:

Facilmente encontrado em quintais, esta planta é utilizada em alguns países como alimento, já no Brasil ouvi falar dela como planta medicinal. Após algumas pesquisas na internet, verifiquei que as folhas podem ser adicionadas em saladas e tem um sabor delicado.

Jaboti

Indicações: prurido, tosse, abscessos, furúnculos, conjuntivites, inchaços, digestão, refiados, constipação, inflamações do reto, enfermidades do coração.

Modo de usar:

  • Suco das folhas: cólica e dores abdominais;
  • Salada de folhas fresca.
  • Planta inteira: cataplasma morno: abscessos, reumatismo, fadiga;
  • Infusão ou decoção: nervosismo, dor reumática, externamente em banhos;

Toxicidade da Erva de Jaboti:

Foi concluído, diante estudos toxicológicos, que a planta não é tóxica usando-se a dosagem máxima de 2 g por cada kg de peso corporal.

Contraindicações e Precauções de Uso:

Não foram encontradas, nas literaturas consultadas, contraindicações e informações de precaução quanto ao uso medicinal da planta erva de Jaboti. Recomenda-se, entretanto, que seja usada com orientação médica, principalmente por pacientes gestantes ou em fase de lactação, cardíacos, pacientes com doenças crônicas ou que façam uso de medicamentos regulares.

Mesmo no consumo na forma de salada, por se tratar de uma folha com efeito de medicamento natural.

Revisão Geral pela Dra. Ana Karolynne Gonçalves - (no G+)

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

VOCÊ PRECISA VER ISSO:

INFORMAÇÃO DO AUTOR: Ana Karolynne Goncalve

Sou graduada no curso de Nutrição pela Universidade Federal do Maranhão(UFMA), CRN6-MA 16199, com Mestrado na área da Nutrição Clínica com relação ao metabolismo, prática e terapia nutricional, realizado também na Universidade Federal do Maranhão(UFMA), Atualmente trabalho no campo de pesquisa sobre a Qualidade e Inovação em Alimentos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *