Início » Benefícios das Plantas » Damiana – o que é, benefícios e como usar!

Damiana – o que é, benefícios e como usar!

damiana o que e

A damiana é uma planta presente nas regiões da América Central e do Sul, a planta se chama Turnera diffusa, mas é mais conhecida como damiana ou damiana-do-México. Usada pelos povos Astecas e Maias como um afrodisíaco natural, a planta se desenvolve em forma de arbusto, tem pequenas flores e aromáticas e frutos que lembram o figo.

damiana
damiana

Com cheiro que parece com a da camomila, a planta damiana foi conhecida quando os espanhóis ocuparam a América Central. Segundo alguns relatos, os nativos ingeriam o chá de damiana com açúcar para aproveitar seus benefícios afrodisíacos.

Propriedades:

Composta por óleos essenciais como o glicosídeos, cineol, cianogênicos, timol, damianina, fósfofo e tanino. Ela ainda age como antisséptico urinário, carminativo, diurético, axante natural e estimulante sexual.

Outros benefícios:

  • Combate o Mal de Parkinson;
  • Combate à constipação intestinal;
  • Controla os sintomas da depressão;
  • Previne inflamação de próstata;
  • Trata infertilidade;
  • Ameniza os sintomas da menopausa;
  • Trata enfisemas;
  • Auxilia no tratamento da asma;
  • Facilita a eliminação de secreções nasais e pulmonares;
  • Controla o diabetes;
  • Previne a cistite.

É conhecida como um famoso afrodisíaco natural e não é à toa. Isso porque seu princípio amargo, chamado também de damianina, é responsável por estimular o sistema nervoso e a circulação sanguínea e, assim, a ereção masculina.

Para preparar o chá é muito fácil. Então, veja os ingredientes e modo de preparo, logo abaixo.

INGREDIENTES:

  • 2 colheres de folhas e flores secas de damiana;
  • 1 litro de água.

MODO DE PREPARO:

  • Ferva a água e desligue o fogo;
  • Acrescente as folhas e flores de Damiana e abafe com um pano de prato limpo por 10 minutos;
  • Coe em seguida e tome.

A ingestão do chá deve ser de apenas uma xícara ao dia.

Efeitos colaterais:

O chá de damiana deve ser tomado com cautela, já que a planta é cumulativa e pode prejudicar o funcionamento dos rins. lactantes, gestantes, idosos e crianças devem evitar a ingestão do chá. Em caso de intoxicação, procure o auxilio de um médico.

Formado em Comunicação Social, especialista em jornalismo digital e SEO, responsável por criar diversos projetos na internet, afim de levar conhecimento à todos sobre saúde, beleza, bem estar, natureza e entretenimento.

Deixe um comentário