Doenças e Tratamentos

Catarata – o que é, causas, sintomas e tratamentos!

catarata

A catarata é uma doença em que o cristalino, a lente natural dos olhos, perde sua transparência e começa a ficar opaco. Ela pode causar perda parcial ou total da Visão (cegueira), além de deixar a Visão turva ou embaçada, diminuir a Visão noturna e causar fotofobia (hipersensibilidade à luz).

catarata o que e, causas, sintomas e tratamentos
catarata o que é, causas, sintomas e tratamentos

Essa condição se desenvolve lentamente, muitas vezes passando despercebida antes de causar algum sintoma mais grave. Antes de evoluir, o uso de óculos pode ajudar a lidar com a doença, mas quando ela se torna mais grave, a cirurgia de catarata é necessária.

Causas da catarata:

As causas podem ser diversas. A causa mais frequente de catarata ocular é o processo natural de envelhecimento que ocorre, normalmente, a partir dos 45 anos e o aparecimento de sintomas de hipovisão a partir dos 60 anos.

Apesar do envelhecimento ser a causa mais frequente de catarata, outras causas podem estar na sua origem a saber: cirurgias intra-oculares (vitrectomia, cirurgia de glaucoma, etc), medicamentos (corticosteróides ou mióticos), doenças (diabetes, galactosemia, doenças renais), infeções e inflamações oculares (uveítes), etc.

Sintomas da catarata:

  • Visão turva ou “embaçada”;
  • Diminuição da sensibilidade às cores e ao contraste;
  • Visão dupla num olho (diplopia monocular);
  • Aumento da sensibilidade à luz (fotofobia);
  • Alteração frequente dos erros refrativos, com mudança frequente de óculos;
  • Diminuição da Visão noturna.
  • No início pode ser assintomática (sem sintomas).

Os sintomas nos olhos fazem-se sentir de uma forma mais ou menos intensa, dependendo do grau de opacificação do cristalino. Além disso, os sintomas da catarata ocular são, geralmente, mais acentuados quanto maior for o nível de opacificação do cristalino.

Tratamentos:

O único tratamento eficaz na atualidade é o tratamento cirúrgico. A técnica cirúrgica consiste em retirar o cristalino opacificado através da técnica de facoemulsificação. Além disso, em que o núcleo cristalineano é emulsificado através de uma sonda com emissão de ultrassons intraoculares.

Além disso, a vantagem desta técnica consiste no tamanho da incisão, de cerca de 3mm, que é muito menor que na técnica convencional, proporcionando uma recuperação da acuidade visual mais rápida, e por consequencia uma convalescencia pós operatória mais breve.

Formado em Comunicação Social, especialista em jornalismo digital e SEO, responsável por criar diversos projetos na internet, afim de levar conhecimento à todos sobre saúde, beleza, bem estar, natureza e entretenimento.

4 comentários

  • […] oculares: A vitamina C tem sido associada à redução dos riscos de doenças oculares, como catarata e degeneração macular relacionada à idade. No entanto, suplementos de vitamina C não têm […]

  • […] perda de visão ou cegueira. Pessoas com esta síndrome também podem ter estrabismo (Vesgo), cataratas (lentes turvas), degeneração macular (distúrbio ocular que causa perda de visão) ou coloboma […]

  • […] Catarata; […]

  • […] oculares: A vitamina C tem sido associada à redução dos riscos de doenças oculares, como Catarata e Degeneração macular relacionada à idade. No entanto, os suplementos de vitamina C não têm […]

Deixe um comentário