Os 7 Benefícios do Tucunaré Para Saúde

Revisado por

Dermatologia Graduada pela Unicamp

Especialista do Cura Natural

Os 7 Benefícios do Tucunaré Para Saúde
4.9 (97.65%) 17 vote[s]

Os Benefícios do Tucunaré Para Saúde que todos devemos fazer. Além disso, o Tucunaré, do Tupi “tucun” (árvore) e “aré” (amigo), ou seja, “amigo da árvore”, Cichla spp., é uma espécie de peixe presente nos rios da América do Sul, em especial do Brasil, também conhecida como tucunaré-açu, tucunaré-paca, tucunaré-pinima, tucunaré-pitanga, tucunaré-vermelho ou tucunaré-pretinho.

TucunaréExistem 14 espécies conhecidas na Amazônia sendo cinco delas descritas (Cichla ocellaris, C. temensis, C. monoculus, C. orinocensis e C. intermedia) De maneira geral apresentam corpo alongado e um pouco alto de coloração amarelada-esverdeada com o dorso mais escuro e ventre branco.

Conforme a espécie pode apresentar faixas escuras verticais ou manchas irregulares nos flancos além do característico ocelo sobre o pedúnculo da nadadeira caudal. Os pacas como o nome indica têm o corpo coberto de pequenas manchas brancas.Os Pitangas grande mancha vermelha sob a boca. Sem esquecer dos Azuis, talvez seja o peixe com a maior variação de cores da água doce. Podem atingir 1m de comprimento e pesar 15Kg.

Valor Nutricional do Tucunaré:

O tucunaré é rico em Cálcio, Ferro, Fósforo, Potássio, vitaminas do complexo B e Vitamina D. Agora, veja os Benefícios do Tucunaré Para Saúde:

1. Fornece Proteínas Para o Corpo:

O tucunaré é grande fonte de proteínas e podem ser usados para substituir as carnes e o frango da dieta. As proteínas são nutrientes importante para a formação da massa muscular, dos cabelos, da pele, das células e do sistema imunológico, sendo um nutriente essencial para a saúde.

2. Previne Doenças Cardiovasculares:

O tucunaré é fonte de gorduras boas, especialmente os provenientes de água salgada, como atum, sardinha e salmão, pois são ricos em ômega-3, nutriente presente nas águas profundas do mar.

O ômega 3 atua no organismo reduzindo o colesterol ruim e aumentando o colesterol bom, além de reduzir a inflamação e melhorar o sistema imunológico. Com isso, o consumo de peixes reduz o risco de doenças cardiovasculares como aterosclerose e infarto, além de prevenir outros problemas, como o AVC.

Favorece a saúde de ossos e dentes, facilita o transporte de oxigênio e estimula a formação de glóbulos vermelhos no sangue. Além disso, o tucunaré possui maior concentração de Vitamina D em comparação aos peixes de água salgada.

3. Melhora a Memória e Previne Alzheimer:

Consumir tucunaré regularmente previne a perda de massa cinzenta no cérebro, que está ligada ao surgimento de doenças degenerativas como o mal de Alzheimer. Esse benefício está ligado à presença de ômega 3 e de nutrientes como cálcio e fósforo, importantes para a transmissão impulsos nervosos.

4. Fornece Nutrientes Vitais Para o Nosso Corpo:

Em geral, o tucunaré é benéfico para a saúde, pois contém os nutrientes mais importantes para o nosso corpo, incluindo proteínas complexas, iodo, e várias vitaminas e minerais. No entanto, é impossível negar que alguns peixes são melhores que outros.

5. Reduz o Risco de Doenças Cardíacas e Acidente Vascular Cerebral (AVC):

Infartos e acidentes vasculares cerebrais (AVC) são duas das principais causas de morte prematura em todo o mundo. Vários estudos têm mostrado que pessoas que consomem tucunaré regularmente têm menor risco de ataque cardíaco, derrame ou morte por doença cardíaca.

6. Contêm Nutrientes Essenciais na Fase de Desenvolvimento:

O ômega 3 é essencial para a fase de crescimento dos bebês, especialmente quando se trata do desenvolvimento dos olhos e cérebro e, por esta razão, os médicos recomendam que grávidas ou lactantes incorporem mais peixe à sua dieta.

Como alguns tipos de peixes têm concentrações elevadas de mercúrio, que está associado à complicações no desenvolvimento do cérebro, é importante que as mulheres grávidas limitem o seu consumo aos tipos de peixe com níveis mais baixos desse mineral, tais como salmão, truta e sardinha, em porções de não mais que 340 gramas por semana.

7. Ajuda a Prevenir e Combater a Depressão:

A depressão é um transtorno mental grave que se caracteriza por alterações de humor, sentimentos de profunda tristeza e ansiedade, falta de energia e falta de interesse na vida e atividades sociais. Apesar de não ser uma das condições mais abordadas, a depressão é um dos principais problemas de saúde em todo o mundo.

Vários estudos têm demonstrado que os ácidos graxos ômega 3 ajudam a combater a depressão, promovem o equilíbrio hormonal e aumentam a eficácia de dos antidepressivos.

Onde é Encontrado:

Bacia Amazônica e Araguaia-Tocantins, onde vivem nos lagos, baías, igapós e algumas vezes nas margens dos rios, principalmente junto aos barrancos. Foi disseminado em reservatórios espalhados pelas regiões Sudeste e Nordeste. Formam casais e se reproduzem em ambientes lênticos, construindo seus ninhos normalmente debaixo de troncos caídos.

Confira Agora Uma Receita de Tucunaré Assado:

Tucunaré

Ingredientes:

  • 1 tucunaré médio
  • 1/3 de l de cachaça
  • 2 Tomates
  • Salsinha e cebolinha
  • 1 pimentão verde
  • 15 azeitonas
  • 1/2 vidro de palmito
  • 1 Cebola média
  • 1 pote de requeijão
  • 1/2 Limão
  • Sal
  • Pimenta – do – reino
  • 2 dentes de Alho
  • Papel alumínio

Modo de Preparo:

  • Deixe por 2 horas o tucunaré de molho na cachaça.
  • Depois lave bem, tempere com o suco de 1/2 Limão, o Alho socadinho, o sal e pimenta – do – reino a gosto.
  • Reserve.
  • Faça um vinagrete, corte bem picadinho a cebola, a pimentão, as azeitonas, a cebolinha, a salsinha, os tomates e o palmito.
  • Misture bem estes ingredientes.
  • Tempere com sal e pimenta – do – reino.
  • Reserve.
  • Cubra uma forma com papel alumínio.
  • Leve o tucunaré ao forno (espalmado) até que doure.
  • Retire do forno e cubra com o vinagrete.
  • Volte ao forno por mais 15 minutos.
  • Passados os 15 minutos, coloque o vidro de requeijão sobre o vinagrete.
  • Volte ao forno somente para aquecê-lo.

Revisão Geral pela Dra. Ana Karolynne Gonçalves - (no G+)

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

VOCÊ PRECISA VER ISSO:

INFORMAÇÃO DO AUTOR: Wanessa Mattos

Drª. Wanessa Matos
Dermatologista formou-se em Medicina na Unicamp e na mesma instituição realizou sua residência em Dermatologia, obtendo o título de especialista. Atua nas áreas de dermatologia clínica, cirúrgica e estética. Além disso, é sócio titular da Sociedade Brasileira de Dermatologia, com registro no Conselho Regional de Medicina e Associação Médica Brasileira.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *