Cardo Mariano – O que é, Benefícios e Como Usar

Revisado por

Dr. Valeria Carneiro Graduada em Ginecologia e Obstetrícia!

Especialista do Cura Natural

Cardo Mariano – O que é, Benefícios e Como Usar
4.7 (94.12%) 17 vote[s]

Cardo Mariano – O que é, Benefícios e Como Usar de forma correta e sem prejudicar sua saúde. Além disso, o Cardo Mariano é uma planta medicinal, também conhecida como Cardo-leiteiro, Cardo-santo ou Serralha-de-folhas, muito utilizada para fazer remédios caseiros para problemas no fígado e na vesícula biliar, por exemplo. O nome científico do cardo mariano é Silybum marianum e pode ser comprado em lojas de produtos naturais, farmácias de manipulação e algumas feiras livres.

O Cardo mariano também pode ser usado para aumentar a produção de leite materno, através da substância Silimarina que é extraída da planta.

As propriedades medicinais e os benefícios proporcionados pelo cardo mariano são reconhecidos há mais de 2.000 anos. Existem registros datados do século I que indicam a utilização desta planta pelos romanos, como um agente protetor do fígado. Registros médicos datados dos séculos XVIII e XIX também citam o cardo mariano no tratamento de males. A seguir, saiba mais a respeito das propriedades medicinais e dos benefícios proporcionados por esta planta.

Benefícios do Cardo Mariano:

O chá de cardo mariano é indicado para tratar casos de hepatite viral aguda e crônica, cálculos biliares, dispepsia, dor de barriga, cirrose causada pelo álcool e colesterol elevado. Além disso, esta planta tem a fama de ser um remédio para estados depressivos.

O cardo mariano ajuda a manter o fígado saudável e pode ser utilizado sempre que este órgão esteja sob tensão, o que é geralmente visível pelo elevado número de enzimas hepáticas. Confira outros benefícios do Caldo Mariano para saúde:

  • Antisséptico;
  • Aperiente;
  • Antioxidante;
  • Anti-inflamatório;
  • Diurético;
  • Tônico;
  • Regeneradora;
  • Colagoga;
  • Depurativa;
  • Digestiva.

Como Usar Cardo Mariano:

A planta cardo mariano pode ser utilizada de várias maneiras, servindo a diversas finalidades. Confira a seguir:

Chá das folhas: Evita o enjoo se ingerido 8 dias antes de uma viagem;

Decocção: Ferva duas colheres de sopa de folhas do cardo mariano junto a ½ litro de água, durante 5 minutos. Beba em pequenos goles. Esta decocção favorece a digestão de alimentos ricos em gordura.

Tintura das sementes: A tintura das sementes do cardo mariano são usadas para tratar males da uretra, do útero e hemorroidas.

Como Fazer o Chá do Cardo Mariano:

Para preparar o chá de cardo mariano, use a proporção de duas colheres de sopa das folhas para cada meio litro de água. Em um recipiente, coloque a água e as folhas e leve ao fogo. Quando alcançar fervura, cronometre aproximadamente cinco minutos e desligue em seguida.

Tampe e deixe descansar por cerca de dez minutos, coando e consumindo em seguida. A dose indicada é de duas ou três xícaras ao dia, consumidos em goles pequenos e pausados.

Contraindicações e Efeitos Colaterais do Cardo Mariano:

O consumo do chá de cardo mariano é contraindicado para crianças, além de pacientes que tenham problemas renais, úlceras, gastrites ou hipertensão. Em doses excessivas, seu consumo pode causar problemas de queimaduras nas mucosas das vias digestivas, vômitos e diarreias, além de elevar a pressão arterial.

Revisão Geral pela Dra. Ana Karolynne Gonçalves - (no G+)

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

VOCÊ PRECISA VER ISSO:

INFORMAÇÃO DO AUTOR: Valeria Carneiro

Dr. Valeria Carneiro Graduada na Universidade Federal de Minas Gerais em Medicina Especializada em Ginecologia e Obstetrícia, Pós Graduada no Departamento de Ginecologia na UNIFESP/ EPM a 2 anos, Experiencia clinica em patologias do trato genital feminino e foco em cirurgias ginecológicas como também especialista em partos normais e cirúrgicos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *