Benefícios das Plantas Alan Costa

Abútua – o que é, benefícios e como usar!

A abútua é uma planta medicinal utilizada principalmente em problemas relacionados com o ciclo menstrual, como atrasos da menstruação e cólicas intensas. O seu nome cientifico é Chondrodendon platiphyllum e pode ser comprada em algumas lojas de produtos naturais e farmácias de manipulação.

abutua

abútua

O que é abútua:

Abútua é uma planta medicinal utilizada principalmente em problemas relacionados com o ciclo menstrual, como atrasos da menstruação e cólicas intensas. O seu nome cientifico é Chondrodendon platiphyllum e pode ser comprada em algumas lojas de produtos naturais e farmácias de manipulação.

É um cipó nativo da Mata Atlântica brasileira usado pelos indígenas e caboclos para diversos tratamentos, inclusive o de malária. Porém, é tóxica, bastante, e por isso foi substituída pelo quinino e outras plantas. Ela também se faz o curare, veneno que os indígenas usam para pescar e caçar pois paralisa o animal.

Benéficos da abútua:

Na medicina cabocla, que é originária da soma de conhecimentos da medicina indígena, europeia e negra, ela é usada nos seguintes casos:

  • Menstruação atrasada e cólicas menstruais (é abortiva, cuidado)
  • Excesso de ácido úrico
  • Problemas renais, cálculos
  • Artrite e reumatismo
  • Congestão do fígado, obstrução das vias hepáticas
  • Dores de cabeça
  • Febres (inclusive malária)
  • Inflamação da bexiga
  • Diversos problemas digestivos
  • Varizes, úlceras varicosas e feridas abertas
  • Hidropsia

A abútua é uma planta perigosa para o uso corriqueiro?

Bem, mas é preciso que se saiba que, esta planta é perigosa para uso corriqueiro mesmo tendo, e tem, diversas aplicações de cura nas medicinas populares. Acontece que os pajés e curandeiros conhecem as dosagens seguras e, não basta fazer um chazinho, tomar e pronto.

É preciso conhecer o estado do caule e raízes que você vai usar para o tal chá. Bem, e há outras por aí, todas venenosas, ok? Da abútua da Amazônia, Abuta grandifolia, se faz o curare. Também é medicinal – medicina de índio que sabe usar, claro porque, seu excesso mata.

Como usar:

Usa-se a decoção de raiz e caule – recomenda-se o uso exclusivo, no entanto, da tintura dela e não do chá. Chá para má digestão:

  • Acrescentar 2 g da erva de abútua em uma xícara de água fervente, tampar e deixar descansar por 10 minutos.
  • Tomar 3 vezes por dia, depois das principais refeições.

Riscos e efeitos colaterais da ingestão de chá dela com sobredose de princípio ativo

  • Aborto
  • Sintomas cardíacos – taquicardia, taquipneia, arritmia

Contraindicações:

Em nenhum caso ela deverá ser usada por mulheres grávidas (ou com suspeita de estarem), durante lactação ou por crianças menores de 10 anos de idade. Não use ela a não ser sob controle médico e de um médico que entenda, realmente, de plantas medicinais – pois, causar um aborto será o menor dos males, no caso.

Sobre o autor | Website

Sou nutricionista e Personal Trainer. Me formei pela Universidade Federal do Tocantins em 2002, com registro profissional no CRN-4 nº 1509723, tenho especialização em Nutrição Esportiva, Treinamento Físico e treinos Curto de alta intensidade.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.