Os 14 Benefícios da Arnica Para Saúde

Revisado por

Educação Física pela UGF

Especialista do Cura Natural

Benefícios da Arnica Para Saúde que você desconhecem. Alem disso, A Arnica é uma planta muito conceituada nas medicinas ancestrais dos povos europeus e, atualmente, também na moderna fitoterapia.As propriedades curativas e os benefícios que a Arnica traz ao nosso corpo já são conhecidos há muitos séculos e, cada vez mais considerados pelas medicinas modernas.

O que atrai na Arnica é a sua capacidade de agir no combate às situações dolorosas (contusões, dores de cabeça, machucados) e seu potencial anti-inflamatório, comprovadamente efetivo, para além do seu uso consagrado como cicatrizante e no combate às hemorragias. Também é reconhecida em suas ações anti-séptica e analgésica, tônica e estimulante.

1. Benefícios da Arnica Para Artrite:

Em um estudo de 2002 com 79 adultos com osteoartrite média no joelho, os cientistas notaram uma redução substancial da dor, bem como a rigidez (mais uma melhoria na função) entre aqueles que utilizaram gel de Arnica duas vezes por dia durante 6 semanas. Uma pesquisa adicional, publicado em 2007 e incluindo 204 indivíduos com osteoartrite nas mãos, demonstraram que o gel de Arnica diminuir a dor com tanto sucesso como o ibuprofeno.

2. Benefícios da Arnica Pós-cirurgia(Inchaço):

Tendo uma diluição homeopática de Arnica pode diminuir um pouco a inflamação pós-operatória, de acordo com uma pesquisa em 227 adultos que passaram por artroscopia em 2006.

3. Benefícios da Arnica Pós-cirurgia(Dor):

Numa pesquisa com 190 adultos que teve suas amígdalas retirada em 2007, os cientistas descobriram que aqueles que receberam uma diluição homeopática de Arnica tiveram uma pequena redução ainda considerável na dor quando comparados com pacientes que utilizaram um placebo.

4. Benefícios da Arnica Para Dor Muscular:

Tomando uma diluição homeopática de Arnica pode ajudar a aliviar a dor muscular, de acordo com uma pesquisa com 82 corredores de maratona em 2003. No entanto, uma pesquisa anterior com 519 corredores descobriu que Arnica homeopática foi inadequado para dor muscular consequente de uma corrida de longa distância. Arnica é simplesmente um tratamento que é usado para dores musculares.

5. Combate a Artrite Reumatoide:

Entre os benefícios da Arnica destaca-se o fato de ela possuir substâncias anti-inflamatórias capazes de auxiliar no tratamento da artrite reumatoide, uma doença que afeta milhões de pessoas em todo mundo. Estudos apontam que o uso do gel desta planta diminui a dor e a rigidez presente nos joelhos e nas mãos dos pacientes que sofrem desta doença. A compressa com o chá de Arnica também é muito recomendada para amenizar as terríveis dores causadas nas articulações.

6. Arnica Nutre a Pele:

Por serem ricas em óleos voláteis, ácido carbônico, flavonoides e demais substâncias benéficas, as flores de Arnica contribuem para nutrir e hidratar a pele, mantendo-a com um aspecto muito mais rejuvenescido. Inclusive, esta propriedade medicinal faz com que seja acelerado o processo de cicatrização de feridas, queimaduras, excessiva exposição solar e até mesmo favorece para a prevenção de inflamações na pele, como no caso de acnes, por exemplo.

7. Arnica Ajuda a Suaviza as Estrias:

Outro dos benefícios que a Arnica proporciona para a saúde da pele é que o extrato desta planta ameniza consideravelmente o aspecto antiestético das estrias provocadas pela gravidez ou oscilação de peso.

8. Benefícios da Arnica Para Combater a Queda de Cabelo:

Além de fazer um bem imenso para a pele, esta planta exerce um papel fundamental para a saúde dos cabelos. A Arnica favorece o crescimento e fortalecimento dos cabelos, combate a queda e também rejuvenesce o couro cabeludo. Exatamente por esta razão, esta planta é muito utilizada na fabricação de shampoos, sendo combinada com jaborandi e calêndula, tornando os cabelos macios e flexíveis.

9. Benefícios da Arnica Para Auxiliar no Tratamento da Caspa:

Ainda com relação à saúde capilar, outra das propriedades da Arnica trata-se de ela auxiliar no tratamento da caspa, um problema reconhecido pela desagradável presença de “escamas” brancas no couro cabeludo. Isso ocorre porque esta planta é responsável por eliminar o excesso de oleosidade do couro cabeludo, limpando os cabelos e devolvendo-lhes um brilho natural.

10. Benefícios da Arnica Para Aliviar Dores Musculares:

Por conter propriedades anti-inflamatórias, esta planta é muito eficaz no tratamento de dores musculares, atuando exatamente na causa do problema. Por este motivo, o gel de Arnica é ainda mais recomendado para atletas e até mesmo para pessoas que praticam atividade física com uma certa frequência, auxiliando também no tratamento de contusões, hematomas etc.

11. Arnica Favorece a Saúde Bucal:

Poucas pessoas sabem disso, mas a Arnica é tida como uma grande aliada da saúde bucal, sendo bastante utilizada até mesmo para tratar infecções orais. Ao lavar a boca com Arnica, é possível prevenir ou auxiliar no tratamento de piorreia, gengivite e dor de dente. Justamente por este motivo, esta planta é muito utilizada pela indústria de produtos de higiene pessoal na fabricação de diversos produtos.

12. Benefícios da Arnica Para Combate o Inchaço pós-cirúrgico:

A Arnica ingerida em doses homeopáticas tem apresentado excelentes resultados quanto à diminuição do inchaço causado após pequenas intervenções cirúrgicas (no caso de pacientes submetidos a procedimentos de artroscopia).

arnica

13. Benefícios da Arnica Para Condições de Pele:

Arnica é eficaz como um tratamento homeopático para a pele dura, inflamada, ou mesmo seco que tende a ocorrer por causa de escaras, furúnculos, ou talvez, picadas de insetos.

14. Benefícios da Arnica Para Dor de Dente:

Os indivíduos podem recorrer a Arnica quando tiverem dor de dente, como também sangramento ou até mesmo dores nas gengivas por causa de um acidente de trabalho ou acidental.

Efeitos colaterais da Arnica:

Embora a Arnica seja um medicamento 100% natural, ela poderá apresentar alguns efeitos colaterais (no caso de uso indevido), que são:

  • Tonturas;
  • Tremores;
  • Dores do abdômen;
  • Aumento pressão arterial (hipertensão);
  • Enjoos e/ou vômitos;
  • Taquicardia e/ou arritmias;
  • Erupções cutâneas;
  • Alergias;
  • Ocorrência de dermatite e/ou bolhas na pele;
  • Intoxicação (quando ingerida de forma inadequada).

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

VOCÊ PRECISA VER ISSO:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *