Visão Dupla – O que é, Causas e Tratamentos

Tudo Sobre Visão Dupla – O que é, Causas e Tratamentos!

Revisado por

Biomédico pela UFRGS

Especialista do Cura Natural

Visão Dupla – O que é, Causas e Tratamentos que você deve conhecer. Além disso, se você começar a ver imagens duplas quando seus olhos normalmente funcionam bem juntos, você deve levá-los a sério.

Embora a Visão Dupla (também chamada de diplopia) possa ser temporária, você ainda deve visitar um oftalmologista para descobrir o que está acontecendo.

visao duplaResumindo… a Visão Dupla é a percepção de duas imagens de um único objeto visto adjacente um ao outro (horizontal, vertical ou oblíquo) ou sobreposição.

Diplopia é o termo médico para Visão Dupla. Polyplopia é a percepção de três ou mais imagens de um único objeto que se sobrepõem.

Causas da Visão Dupla:

Cada olho cria sua própria imagem do meio ambiente. Essas duas representações são combinadas pelo cérebro para que elas sejam percebidas como uma imagem clara.

Se ocorrer danos nos músculos que movem os olhos ou os nervos que controlam esse movimento, pode-se criar uma imagem dupla.

Ambos os olhos devem trabalhar juntos para criar profundidade de campo. Alternativamente, os músculos que movem os olhos podem tornar-se enfraquecidos por certas doenças e produzir Visão Dupla.

Tratamentos Para Visão Dupla:

Se você sofre de Visão Dupla, seu tratamento dependerá inteiramente do tipo e da causa da sua diplopia. O tratamento pode ser tão simples como usar um remendo de olho, óculos ou contatos especiais.

As injeções de Botox ou a cirurgia da pálpebra podem ser usadas para corrigir um estrabismo que causa Visão Dupla.

Da mesma forma, uma operação de catarata pode ser necessária se uma catarata é a causa, ou o tratamento com o olho seco pode ajudar se o olho seco for a causa.

Revisão Geral pela Dra. Ana Karolynne Gonçalves - (no G+)

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

VOCÊ PRECISA VER ISSO:

INFORMAÇÃO DO AUTOR: Kaio Rodrigues

Sou Biomédico formado pela Universidade Federal do Estado do Rio Grande do Sul (UFRGS). Tendo formação técnico-científica, com conhecimento do organismo humano tanto nos seus aspectos estruturais (células, tecidos e órgãos), quanto funcionais.

O campo de atuação do biomédico engloba toda a interface entre a biologia e a medicina clínica propriamente dita. Está apto a auxiliar no diagnóstico e avaliar clínico-laboratorialmente as doenças, os agentes etiológicos e os vetores e também exerço a função de Editor no site "Dicas de Saúde".

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *