Flatulência – O que é, Causas e Prevenção

Revisado por

Nutrição - CRN6-MA 16199

Flatulência – O que é, Causas e Prevenção
4.3 (86.67%) 3 vote[s]

Flatulência – O que é, Causas e Prevenção que não devem ser ignorados. Além disso, a Flatulência ou inchaço abdominal são termos usados para designar o grande acumulo de gás no estômago ou intestino. Esse acúmulo de gás é normalmente expelido pela boca ou ânus. A alimentação desempenha um papel importante na superprodução de gases intestinais. As Pessoas com dietas ricas em alimentos como feijão, repolho e derivados do leite são mais propensas a produzir mais gases.

Outras causas importantes são a constipação e gravidez. Os sintomas são fáceis de serem detectados e caracterizam-se por inchaço e dor na região abdominal. O diagnóstico é normalmente feito por entrevista com o paciente. Caso haja necessidade, o médico pode solicitar exames adicionais, como ultrassom abdominal. Então, confira sobre a Flatulência – O que é, Causas e Prevenção:

Causas da Flatulência:

  • A digestão de alimentos requer a ação de bactérias no intestino. Estes transformam os alimentos em gases. Os alimentos ricos em nitrogênio, como feijão ou repolho, e todos os amidos são conhecidos por causar gases. Além do feijão, alimentos doces, fibras e produtos lácteos produzem mais gás.
  • Algumas pessoas também sofrem de deficiência de lactase (intolerância à lactose) que não lhes permitem digerir a lactose. Isso faz com que haja fermentação no intestino com produção de gases e levando, inevitavelmente, ao inchaço. Diarreia pode ocorrer em alguns casos.
  • A constipação (prisão de ventre) é também uma das principais causas de Flatulência e distensão abdominal. Durante a constipação, há acumulação de fezes no intestino grosso o que aumenta o processo de fermentação e produção de gás.
  • Tomar certos medicamentos pode ser uma causa de Flatulência.
  • Fumar pode levar a Flatulência.
  • A aerofagia também pode causar Flatulência e distensão abdominal devido à grande quantidade de ar ingerido ao comer ou beber.
  • Estima-se que a ansiedade pode também ser uma fonte causadora de Flatulência ou inchaço.
  • Finalmente, inchaço e Flatulência são doenças comuns que atingem as mulheres durante a gravidez.

Diagnóstico da Flatulência:

A para diagnosticar a Flatulência, o médico realiza um exame físico geralmente precedido por um interrogatório. Os questionários são utilizados principalmente para obter o máximo de informações sobre seu histórico do paciente: se sofreu alguma intervenção, doenças ginecológicas (mulheres), etc. A verificação do estado do abdômen é feita por palpação, que pode ser seguida por exame de toque retal, se necessário.

Caso ainda haja dúvidas, o médico pode solicitar um exame de sangue e uma ultra-sonografia abdominal. Em casos complexos e raros, radiografias mais profundas do intestino ou uma tomografia computadorizada podem ser necessárias.

Como Prevenir e Amenizar a Flatulências:

Não é possível eliminar o odor das Flatulências, pois como vimos, são meros sinais das reações internas de nosso organismo. No entanto, é possível fazer com que o cheiro das Flatulências seja muito mais ameno. Para tal, devemos dar a devida atenção à nossa alimentação e evitar a todo custo alimentos industrializados (enlatados, comida congelada, tempero pronto, refrigerantes e etc.) e optar pelo consumo de vegetais, frutas e outros alimentos naturais.

Revisão Geral pela Dra. Ana Karolynne Gonçalves - (no G+)

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

VOCÊ PRECISA VER ISSO:

INFORMAÇÃO DO AUTOR: Ana Karolynne Goncalve

Sou graduada no curso de Nutrição pela Universidade Federal do Maranhão(UFMA), CRN6-MA 16199, com Mestrado na área da Nutrição Clínica com relação ao metabolismo, prática e terapia nutricional, realizado também na Universidade Federal do Maranhão(UFMA), Atualmente trabalho no campo de pesquisa sobre a Qualidade e Inovação em Alimentos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *