Querubismo – O que é, Sintomas e Tratamentos

Revisado por

Nutrição - CRN6-MA 16199

Querubismo – O que é, Sintomas e Tratamentos
4.8 (95%) 12 vote[s]

Querubismo – O que é, Sintomas e Tratamentos que muitos ainda desconhecem. Além disso, o Querubismo é uma doença óssea considerada rara de causa ainda desconhecida. O Querubismo é considerado uma displasia fibro-óssea benigna, não neoplásica de origem genética autossômica dominante hereditária.

Cerca de 200 casos de Querubismo foram relatados em todo o mundo. A condição geralmente é descoberta durante a primeira infância, embora os sintomas possam melhorar após a puberdade.A condição pode ir de leve a grave.

Em algumas pessoas o Querubismo é muito suave e quase imperceptível. Os indivíduos com a forma grave da doença podem ter problemas de visão, respiração, fala e deglutição.

Causas do Querubismo:

O Querubismo é uma desordem genética. Isso significa que há uma mutação, ou mudança permanente, para o padrão de DNA de pelo menos um gene. As mutações podem afetar um único gene ou múltiplos genes.

Cerca de 80% das pessoas com Querubismo têm uma mutação para o mesmo gene, chamado SH3BP2 . Os estudos sugerem que este gene está envolvido na criação de células que quebram o tecido ósseo.

Pode ser por isso que, quando este gene específico é mutado, afeta o crescimento ósseo no maxilar.

Sintomas do Querubismo:

  • Tecido anormal do osso na parte inferior da face;
  • Bochechas com uma aparência inchada e arredondado;
  • Desenvolvimento anormal dos dentes;
  • Alargamento da mandíbula e do maxilar;
  • Problemas de Visão;
  • Problemas de respiração;
  • Problemas de fala;
  • Problemas de deglutição.

Diagnósticos do Querubismo:

Os médicos geralmente diagnosticam o Querubismo através de uma combinação de avaliações, incluindo:

  • Exame físico;
  • Revisão do histórico familiar;
  • Tomografia computadorizada;
  • Raio X.

Se você é diagnosticado com Querubismo, seu médico pode tomar uma amostra de sangue ou fazer uma biópsia de pele para testar se a mutação está no gene SH3BP2. Para ajudar a determinar o tipo de tratamento necessário.

Após o diagnóstico, o seu médico também pode recomendar:

  • Avaliação odontológica por seu dentista ou ortodontista;
  • Exame ocular oftalmológico.

Tratamento do Querubismo:

O tratamento vai depender de cada caso e de sua evolução, não existe um protocolo definido. Na maioria dos casos se vê a necessidade de:

  • Tratamento estético;
  • Curetagem e extração dentária;
  • Tratamento expectante;

Como é uma doença sem uma etiologia definida ela não é totalmente compreendida e novos tratamentos ao longo do tempo podem surgir.

Revisão Geral pela Dra. Ana Karolynne Gonçalves - (no G+)

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

VOCÊ PRECISA VER ISSO:

INFORMAÇÃO DO AUTOR: Ana Karolynne Goncalve

Sou graduada no curso de Nutrição pela Universidade Federal do Maranhão(UFMA), CRN6-MA 16199, com Mestrado na área da Nutrição Clínica com relação ao metabolismo, prática e terapia nutricional, realizado também na Universidade Federal do Maranhão(UFMA), Atualmente trabalho no campo de pesquisa sobre a Qualidade e Inovação em Alimentos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *