Lumbago Agudo – O que é, Causas, Sintomas e Tratamentos

Revisado por

Bioquímica Farmacêutica pela USP

Especialista do Cura Natural

Lumbago Agudo – O que é, Causas, Sintomas e Tratamentos
5 (100%) 6 vote[s]

Lumbago Agudo – O que é, Causas, Sintomas e Tratamentos Lumbago refere-se a uma sensação de tiro ou ferrão na parte inferior das costas. Você também pode ter rigidez nas costas, diminuição do movimento da parte inferior das costas e dificuldade de ficar em pé reta.

Se você é como a maioria das pessoas, você terá pelo menos uma dor nas costas em sua vida. Embora tal dor ou desconforto possa ocorrer em qualquer lugar nas costas, a área afetada mais comum é a parte inferior das costas, porque essa área é compatível com a maior parte do peso corporal.

A dor lombar é a segunda razão pelo qual os americanos vão ao médico, superados apenas por resfriados e gripe. Muitas lesões relacionadas com as costas ocorrem no trabalho, mas você pode mudar isso. Há muitas medidas que você pode tomar para reduzir as chances de dor nas costas.

Geralmente, você sentirá dor nas costas primeiro depois de levantar um objeto pesado, movendo-se de repente, sentado em uma posição por muito tempo ou sofrendo ferimentos ou acidentes.

Mas, antes dessa lesão ou acidente, as estruturas das costas estavam perdendo força ou mudando. Dor lombar aguda é mais frequentemente causada por lesões súbitas nos músculos, ligamentos, ossos e nervos na coluna vertebral.

Causas do Lumbago Agudo:

O alongamento pode ser causada por uma excessiva torsão, um esforço muscular ou um trauma.
Uma das causas mais comuns é o levantamento de peso incorreto (por exemplo, na musculação) ou uma sobrecarga dos músculos das costas.

A distensão é geralmente causada por movimentos repetitivos e prolongados ao longo do tempo, envolvendo os músculos e os tendões. O golpe de chicote é uma lesão que ocorre durante um acidente de carro. O corpo bate violentamente no encosto do carro e em seguida é empurrado para a frente do volante.

Todos pensam que só provoca dor cervical, mais na verdade o encosto do carro bate contra a coluna e depois no pescoço. Estas doenças esticam um ou mais músculos além do comprimento fisiológico e causam ferimentos. Existem várias situações que aumentam o risco de alongamento da coluna ou de um entorse:

  • Dobrar apenas a parte inferior das costas para recolher objetos;
  • Obesidade ou sobrepeso;
  • Fraqueza dos músculos;
  • Fraqueza muscular abdominal;
  • Gravidez (devido ao peso do bebê);
  • Contratura dos músculos isquiotibiais;
  • Praticar esportes como futebol, levantamento de pesos etc.

Sintomas do Lumbago Agudo:

A dor na coluna pode ser leve ou grave e debilitante.
Os sintomas mais frequentes de uma distensão nas costas são as seguintes:

  • A dor é sentido na parte inferior da coluna;
  • A área lombossacral central ou lateral pode ser dolorosa ao toque;
  • A dor aparece de repente;
  • Rigidez e grave limitação dos movimentos;
  • O paciente deve permanecer em uma posição incorreta (inclinado para a frente);
  • Espasmos musculares;
  • O paciente geralmente se sente melhor quando está em repouso e tem dificuldade em permanecer em pé por longos períodos ou ao caminhar;
  • Geralmente, a dor lombar aguda passa rapidamente as complicações podem ser sentidas intermitentemente por algumas semanas, raramente se torna crônica.

Tratamento do Lumbago Agudo:

Existem dois grupos de medicamentos úteis no tratamento de sintomas do estiramento da coluna. Os primeiros medicamentos são os anti-inflamatórios. Estes medicamentos controlam a inflamação e reduzem a dor. Existem muitos anti-inflamatórios no mercado, por exemplo, ibuprofeno (Alivium). cetoprofeno (Profenid) ou diclofenaco (Voltaren).

O Nisulid (nimesulida) foi freqüentemente prescrito no passado, mas muitas pessoas desenvolveram efeitos colaterais, portanto em muitos países do mundo tem sido retirados do mercado. Os analgésicos como paracetamol são menos utilizados porque não são fortes o suficiente.

O segundo grupo de medicamentos é composto por os relaxantes musculares. Até mesmo para estes medicamentos existem muitos princípios ativos. Para os pacientes que apresentam sintomas de espasmos na coluna, os relaxantes musculares são úteis para tratar o sintoma, por exemplo, injeções de thiocolchicoside (Muscoril).

Revisão Geral pela Dra. Ana Karolynne Gonçalves - (no G+)

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

VOCÊ PRECISA VER ISSO:

INFORMAÇÃO DO AUTOR: Byanca Stefany

Sou graduada em Ciências Farmaceuticas pela Universidade Federal do Piaui (UFPI), com pós graduação em Fármaco e Medicamentos pela Universidade de São Paulo (USP) mestrado também pela Universidade de São Paulo (USP) na área de Tecnologia Bioquímica Farmacêutica e Doutoranda pela Universidade de São Paulo (USP) na área de Farmácia Fisiopatologista e Toxicologia. Atualmente Trabalho na área de Análise Clinicas, e tambèm atuo no Instituto de Pesquisa de Ciência, tecnologia e Qualidade (ICTQ) e exerço a função de Editor no site "Dicas de Saúde".

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *