Fadiga – O que é, Causas, Sintomas e Tratamentos

Revisado por

Nutrição - CRN6-MA 16199

Fadiga – O que é, Causas, Sintomas e Tratamentos
4.8 (95.29%) 17 votes

Fadiga – O que é, Causas, Sintomas e Tratamentos deste mal que atinge muitas pessoas. Além disso, quase todos estão sobrecarregados ou sobrecarregados de tempos em tempos. Tais casos de Fadiga temporária geralmente têm uma causa identificável e um remédio provável. O cansaço implacável, por outro lado, dura mais, é mais profundo e não é aliviado pelo repouso.

Fadiga É um estado de cansaço quase constante que se desenvolve ao longo do tempo e reduz sua energia, motivação e concentração. A Fadiga neste nível também afeta seu bem-estar emocional e psicológico.

Na verdade, Fadiga é o nome que se dá a um sintoma que, de fato, está muito presente no dia a dia da população, mas que pode ter causas diversas. Entende-se “Fadiga” como uma sensação de desgaste, cansaço e falta de energia.

Como é de se esperar, este é um sintoma bastante recorrente entre os mais diferentes tipos de doenças e condições.

Causas de Fadiga:

A maior parte do tempo, a Fadiga pode ser atribuída a um ou mais hábitos ou rotinas, particularmente a falta de exercício. Também é comumente relacionado à depressão. Na ocasião, a Fadiga é um sintoma de outras condições subjacentes que requerem tratamento médico.

Fatores de estilo de vida:

Fazer um inventário honesto de coisas que podem ser responsáveis ​​por sua Fadiga é muitas vezes o primeiro passo em direção ao alívio. A Fadiga pode estar relacionada a:

  • Uso de álcool ou drogas
  • Excesso de atividade física
  • Transtorno de lama de jato
  • Falta de atividade física
  • Falta de dormir
  • Medicamentos, como anti-histamínicos, medicamentos contra a tosse
  • Hábitos alimentares pouco saudáveis
  • Condições
  • O cansaço implacável pode ser um sinal de uma condição ou efeito das drogas ou terapias usadas

para tratá-la, tais como:

  • Insuficiência hepática aguda
  • Anemia
  • Ansiedade
  • Câncer
  • Síndrome da Fadiga crônica
  • Infecção crônica ou inflamação
  • Doença renal crônica
  • Concussão
  • DPOC (doença pulmonar obstrutiva crônica)
  • Depressão (transtorno depressivo maior)
  • Diabetes
  • Enfisema
  • Fibromialgia
  • Pesar
  • Doença cardíaca
  • Hipertiroidismo (tireóide hiperativa)
  • Hipotiroidismo (tireoide inferior)
  • Doença inflamatória do intestino (IBD)
  • Medicamentos e tratamentos, como quimioterapia, radioterapia, drogas para dor,
  • medicamentos para o coração e antidepressivos
  • Esclerose múltipla
  • Obesidade
  • Dor persistente
  • Apnéia do sono
  • Estresse
  • Traumatismo crâniano

Sintomas da Fadiga:

Sendo um sintoma em si, é estranho falar de sintomas da Fadiga. No entanto, a maneira que a Fadiga é sentida varia de pessoa para pessoa e, além disso, ela pode vir acompanhada de outras sensações. Os principais sintomas são:

  • Cansaço e dificuldade para se levantar mesmo tendo dormido bem na noite anterior;
    Diminuição da energia em geral;
  • Falta de vontade para realizar as atividades do dia-a-dia;
  • Humores tristes ou variáveis;
  • Dificuldade de concentração;
  • Problemas com a memória;
  • Dores de cabeça (cefaleia);
  • Dores musculares;
  • Maior facilidade para contração de doenças.
  • Quando estes sintomas duram mais de 6 meses, pode-se falar em Fadiga crônica, geralmente
  • um sinal de que algo está errado.

Diagnóstico de Fadiga:

O diagnóstico da Fadiga depende muito da avaliação médica feita no próprio consultório. Por isso, os tipos de tratamento disponíveis para este sintoma também dependem muito da causa subjacente à Fadiga. Na verdade, o tratamento desta causa costuma trazer alívio para o sintoma de Fadiga também.

Fadiga causas Mas existem algumas dicas e medidas que podem ser tomadas independentemente do diagnóstico e que servem única e exclusivamente para tratar e aliviar o sintoma. Veja:

  • Procure dormir horas suficientes todas as noites
  • Siga uma dieta saudável, balanceada e beba bastante água durante o dia
  • Faça exercícios regularmente
  • Aprenda e desenvolva maneiras e técnicas de relaxamento, como ioga e meditação
  • Procure manter uma agenda pessoal e profissional equilibrada, a fim de evitar estresse em
  • seu cotidiano
  • Evite o consumo exacerbado de álcool, nicotina e drogas
  • Evite consumir estimulantes, como a cafeína. Eles só pioram o quadro e tendem a piorar a Fadiga no longo prazo

Fadiga Tem Cura? Como Tratar?

Se formos pensar que Fadiga é uma reação normal do corpo, ela não tem cura. No entanto, ela pode passar. Muitas vezes, o tratamento é simples como uma boa noite de sono. Em outras, pode haver a necessidade de medidas mais drásticas.

Quando se trata de problemas nutricionais, o médico poderá recomendar o uso de suplementos alimentares, como Centrum ou Sustagen, que podem ser completos ou específicos para um determinado nutriente que está faltando.

Se o problema for um transtorno mental, como um quadro depressivo, um psiquiatra será responsável por receitar o medicamento apropriado, geralmente um antidepressivo. Portadores de transtorno bipolar podem ser medicados com estabilizadores de humor e antipsicóticos. É de extrema importância que haja acompanhamento psicológico nesses casos.

Outras doenças adjacentes devem ser tratadas de acordo com o prescrito pelo médico.

Revisão Geral pela Dra. Ana Karolynne Gonçalves - (no G+)

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

VOCÊ PRECISA VER ISSO:

INFORMAÇÃO DO AUTOR: Ana Karolynne Goncalve

Sou graduada no curso de Nutrição pela Universidade Federal do Maranhão(UFMA), CRN6-MA 16199, com Mestrado na área da Nutrição Clínica com relação ao metabolismo, prática e terapia nutricional, realizado também na Universidade Federal do Maranhão(UFMA), Atualmente trabalho no campo de pesquisa sobre a Qualidade e Inovação em Alimentos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *