Os 15 Sintomas de Ataque Cardíaco nas Mulheres

Revisado por

Bioquímica Farmacêutica pela USP

Especialista do Cura Natural

Os 15 Sintomas de Ataque Cardíaco nas Mulheres
5 (100%) 4 votes

Os Sintomas de Ataque Cardíaco nas Mulheres são diferentes do que em homem. Assim como em outras doenças comuns, o mundo médico estudou os sintomas da doença cardíaca. Estes sintomas são usados como uma pista para superar os problemas nas doenças cardíacas. É verdade que o homem é quem geralmente sofre de doença cardíaca.

sintomas de ataque cardiaco

No entanto, as mulheres também possuem risco de sofrer de ataque cardíaco. Na verdade, a mulher precisa estar ciente dessa doença, uma vez que os sintomas da doença cardíaca são difíceis de detectar.

Os sintomas da doença cardíaca na mulher e no homem são diferentes pois os sintomas da doença cardíaca em mulheres são semelhantes a outra doença. Então, confira agora os 15 Sintomas de Ataque Cardíaco nas Mulheres:

Dor no Peito:

Mesmo que a dor no tórax seja um sintoma comum das doenças cardíacas, as mulheres muitas vezes experimentam um sintoma diferente do masculino. A dor comum está em nosso peito esquerdo. No entanto, a maioria das mulheres sente a dor no peito direito.

Desta forma, as mulheres não estão cientes que isso é um dos sintomas de ataque cardíaco nas mulheres, pois pensam que essa dor é por causa da fadiga e não de doença cardíaca. A dor no peito feminino é mais dolorosa do que em homens, pois elas sentem uma pressão mais severa no peito.

Dor de Cabeça:

A dor de cabeça é outro sintoma comum de ataque cardíaco nas mulheres. Este sintoma é reconhecido quando nossos olhos experimentam exposições as luzes. Isso faz com que nosso batimento cardíaco seja rápido ou lento.

Com base no estudo da Academia Americana de Neurologia, a dor de cabeça em pacientes com doença cardíaca é atribuído a um desvio na circulação sanguínea.

Dor nos Braços, Pescoço, Maxilar e Costas:

Uma dor muito comum para ataque cardíaco nas mulheres está concentrada no peito. No entanto, as mulheres sentem a dor em diferentes áreas, como braços, pescoço, mandíbulas e costas. Os homens não sentem a dor nessas áreas. Por isso, as mulheres não sabem que a dor nessas áreas é o sintoma da doença cardíaca.

Essa dor é incomum. Por isso, as mulheres devem estar cientes deste problema quando sentem a dor em seus braços, pescoço, mandíbulas e costas sem saber suas causas.

Estômago:

Talvez ninguém possa saber que a dor de estômago pode ser uma das causas das doenças cardíacas. As pessoas pensam que a dor gástrica é a dor de estômago.

Portanto, muitas pessoas não consideram isso como um sina, quando deveria estar ciente que pode ser um sinal de ataque cardíaco nas mulheres. Caso esteja sentindo uma severa dor de estômago junto com náuseas, precisa consultar o médico imediatamente.

Respiração Difícil:

A respiração difícil é um dos sintomas da doença cardíaca. Além disso, precisamos ter mais conhecimento dos sintomas caso tenhamos outro sintoma visível. O oxigênio não pode fluir para nossos pulmões, pois há um bloqueio no nosso ducto sanguíneo que dificulta a respiração.

Suor Frio:

O suor frio é diferente do suor comum que é produzido depois da prática esportiva. Provavelmente, produzimos suor frio quando estamos estressados ou nervosos. Portanto, caso nossas mãos estejam produzindo suor frio quando não estamos praticando esporte ou em ambiente quente, devemos estar cientes desse problema.

Fadiga Excessiva:

Um dos sintomas de ataque cardíaco mais recorrentes em mulheres é a fadiga excessiva. Sem motivos específicos, muitas vezes, sentimos fadiga excessiva sem que possamos executar atividade leve. Isso ocorre em quase 70% das mulheres que sofrem de doença cardíaca.

Geralmente, os pacientes com doenças cardíacas sentem uma dor excessiva em seu peito antes de qualquer outra parte do corpo, o que eventualmente os torna moles.

Tosse Crônica:

Um dos sintomas da doença cardíaca é a tosse crônica. O acúmulo de líquido em nossos pulmões provoca tosse crônica que não pode ser facilmente curada. Para piorar a situação, a tosse é geralmente acompanhada de fleuma e sangue.

Batimento Cardíaco Incontrolável:

Basicamente, nosso coração pode acelerar a batida para contrabalançar sua capacidade de bombear sangue para cada parte do nosso corpo. O paciente com doença cardíaca sentirá que o batimento cardíaco será mais rápido e, às vezes, incontrolável.

Perda de Apetite:

Perder o apetite é um dos sintomas de ataque cardíaco. Quando nosso sistema cardíaco e sistema digestivo têm trabalhado duramente, mas não conseguem receber a quantidade saudável de sangue, sentiremos cheios ou com náuseas, mesmo que não tenhamos feito a refeição. Essa interrupção faz com que o paciente com doença cardíaca perca peso rapidamente

Ansiedade:

O alto nível de ansiedade, medo e estresse também são um dos sintomas da doença cardíaca. Este problema faz com que pacientes com doença cardíaca sofram de outras doenças.

Inflamação no Corpo:

A inflamação no tornozelo e no estômago é mais um sintomas de ataque cardíaco. Este é um sinal de que há algo errado com o coração ou a válvula cardíaca.

Suor Excessivo:

Suar é um problema comum. No entanto, produzir suor sem fazer certas atividades não é comum. Devemos estar cientes desse problema, porque esta é a maneira mais simples de saber que estamos sofrendo de doenças cardíacas.

suor excessivo

Náuseas:

O sintoma inicial da doença cardíaca é a náusea. Isso ocorre porque há uma complicação e inflamação em nosso estômago para reduzir o apetite. Como resultado, sentiremos náuseas quando comemos.

Interrupção Digestiva:

Um estudo mostrou que as mulheres experimentam vômitos, náuseas e interrupção digestiva por alguns meses mais frequentemente do que masculino. Isso ocorre porque há acumulação de gorduras em nossa artéria. Isso reduzirá o fornecimento de sangue ao nosso coração.

Revisão Geral pela Dra. Ana Karolynne Gonçalves - (no G+)

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

VOCÊ PRECISA VER ISSO:

INFORMAÇÃO DO AUTOR: Byanca Stefany

Sou graduada em Ciências Farmaceuticas pela Universidade Federal do Piaui (UFPI), com pós graduação em Fármaco e Medicamentos pela Universidade de São Paulo (USP) mestrado também pela Universidade de São Paulo (USP) na área de Tecnologia Bioquímica Farmacêutica e Doutoranda pela Universidade de São Paulo (USP) na área de Farmácia Fisiopatologista e Toxicologia. Atualmente Trabalho na área de Análise Clinicas, e tambèm atuo no Instituto de Pesquisa de Ciência, tecnologia e Qualidade (ICTQ) e exerço a função de Editor no site "Dicas de Saúde".

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *