Nutrientes

Cobre – o que é, fontes, benefícios e deficiência!

Por Alan Costa, em
o que é cobre?

O cobre pode ser positivo nas densidades ósseas da coluna vertebral de mulheres pós-menopausa, também demonstrou ser essencial no metabolismo ósseo. Além disso, o cobre é indispensável para que o nosso corpo funcione adequadamente. Não, não sou eu que estou dizendo isso, mas sim a ciência. São vários os benefícios que essa substância traz quando está presente de maneira correta no nosso organismo.

o que é cobre?

O que é cobre?

O cobre é um mineral considerado essencial para o organismo. Ele é um oligoelemento, elemento químico essencial para os seres vivos encontrado em baixa concentração nos organismos, porém de fundamental importância biológica.

O corpo humano não consegue produzir este mineral, ele é obtido por meio da alimentação. O cobre ajuda na formação de algumas células sanguíneas, hormônios e enzimas antioxidantes, também contribui para a síntese de neurotransmissores, formação da bainha de mielina e regulação da expressão gênica. Este mineral ainda ajuda a regular a quantidade de ferro no organismo e na formação de tecidos conjuntivos.

Fontes de alimentos ricos em cobre:

  1. Fígado de vitela cozido
  2. Fígado de boi cozido
  3. Ostras cozidas
  4. Caju
  5. Castanha-do-brasil
  6. Avelã
  7. Amêndoa

Embora este Mineral esteja presente de forma natural no seu organismo, devido a algumas situações, seus níveis podem diminuir e você venha a sofrer esta deficiência.

Quais os benefícios do cobre?

1- Pele:

Este Mineral possui função importante na formação de melanina, auxiliando na pigmentação da pele, cabelos e olhos. Por isso, seu consumo é essencial para impedir a formação de manchas na pele e melasma.

2- Cérebro:

Este mineral é parte na formação de enzimas essenciais para manter a atividade do sistema nervoso através da síntese de neurotransmissores, sem os quais o transporte dos impulsos elétricos é impossível. Além do mais, o cobre também faz parte da produção da bainha de mielina, importante protetora que cobre a superfície dos nervos.

3- Sistema imunológico:

Como um mineral importante para a ação da vitamina C, o cobre auxilia na produção de glóbulos brancos, que são as células protetoras do organismo. A vitamina C, ativada pelo cobre também possui uma poderosa ação antioxidante, que também age no combate a infecções por vírus, fungos e bactérias.

4- Coração:

como um poderoso antioxidante, o cobre também age impedindo a ação dos radicais livres sobre a oxidação de gorduras, impedindo o seu acúmulo nas artérias e prevenindo o risco de doenças cardíacas. Veja Também: Suco Detox de Uva Para Fortalecer a Saúde do Coração

5- Combate da artrite:

Este mineral  apresenta ação anti-inflamatória, que ajuda a reduzir os sintomas terríveis sentidos por aqueles que sofrem com artrite. Você talvez não saiba, mas muita gente vende pulseiras de cobre prometendo justamente a cura dessa doença tão dolorosa!

quais os benefícios do cobre?

6-  Auxilia no crescimento:

Para que cresçamos com normalidade este Mineral é fundamental. Uma dieta que conta com altas quantidades desse mineral colabora para que desenvolvamos o nosso sistema esquelético, cardiovascular e também o nervoso, o que é maravilhoso!

7- Ajuda na pigmentação dos cabelo e dos olhos:

É um elemento primordial para que a melanina escureça a nossa pela, o nosso cabelo e também os nossos olhos, por mais incrível que pareça. Essa substância tão conhecida é produzida por outra chamada melanócitos, na presença da tirosinase. Sendo assim, quando mais cobre você consome menos cabelos brancos você terá!

8- Colabora para nutrir os tecidos conjuntivos:

Ele é primordial para que haja a síntese da hemoglobina, da mielina e também do corpo da melanina como já dissemos, além de também ajudar no colágeno. Dessa forma ele nutre como poucos minerais a bainha de mielina que fica ao redor dos nossos nervos. Além disso, ele também está na produção do tecido conjuntivo que existe no nosso organismo, mais conhecido como elastina.

9- Ajuda a absorver outros nutrientes:

A absorção do ferro e do açúcar dependem exclusivamente do cobre e da sua presença no trato intestinal e no fígado! Só assim essas substâncias serão adequadamente utilizadas pelo nosso organismo!

10- Diminui o envelhecimento precoce:

Este mineral é um excelente antioxidante, que consegue evitar que as nossas células sejam danificadas pelos radicais livres, que as envelhecem e prejudicam a ponto de muitas se tornarem cancerígenas.

10- Responsável pelo aumento da energia do nosso corpo:

Graças a síntese de trifosfato de adenosina este mineral acaba ajudando a compor a energia do nosso organismo, tão fundamental para que nos mantenhamos de pé e façamos o que é necessário no nosso dia a dia!

Alguns dos sintomas de deficiência do cobre:

A deficiência de Cobre pode apresentar os seguintes sintomas em seres humanos:

  1. Anemia;
  2. Baixa temperatura corporal;
  3. Ossos frágeis;
  4. Osteoporose;
  5. Vasos dilatados;
  6. Baixa contagem de células brancas;
  7. Batimentos cardíacos irregulares;
  8. Níveis elevados de colesterol;
  9. Baixa resistência a infecções;
  10. Defeitos de nascimento;
  11. Baixa pigmentação da pele;
  12. Desordens na tireoide.

Alguns outros sintomas incluem letargia, palidez, feridas, edemas, crescimento atrofiado, perda capilar, anorexia, diarreia, sangramentos subcutâneos e dermatites. Em meninos jovens, deficiências deste mineral herdada da Síndrome de Menke onde a absorção natural de Cobra se torna impossível mais pode ocorrer. Intervenção médica imediata é essencial nesses casos.

Riscos do consumo em excesso:

O excesso deste mineral ocorre normalmente por meio da suplementação. Os sintomas de toxicidade aguda de cobre incluem dor abdominal, náuseas, vômitos e diarreia.

Sinais mais graves de toxicidade aguda de cobre incluem danos severos no fígado, insuficiência renal e coma. O excesso deste mineral pode causar também a diminuição da absorção de vitamina C.

Sair da versão mobile